O retorno de LaLiga: partidas a cada 72 horas e viagens no próprio dia

Antoine Griezmann, Raphael Varane
Quality Sport Images/Getty Images

O governo da Espanha precisa aprovar, mas se depender da organização do torneio, o Campeonato Espanhol será retomado, sim, no dia 12 de junho. E seguindo alguns protocolos propostos pela própria La Liga e elucidados pelo jornal Marca.

Lionel Messi
Alex Caparros/Getty Images

Para cumprir o calendário estabelecido de forma emergencial por conta da epidemia de coronavírus, as onze rodadas restantes serão jogadas em pouco mais de um mês, com os times entrando em campo a cada 72 horas. Sendo assim, o período subsequente ficaria liberado para que os representantes do país que ainda estão na Champions League (Barcelona, Real Madrid e Atlético de Madrid, sendo que o último já está classificado às quartas de final) e na Liga Europa (Sevilla e Getafe, que ainda iniciarão a disputa das oitavas de final) possam se dedicar às disputas continentais.

Vinicius Junior
Soccrates Images/Getty Images

A Bundesliga, que foi retomada no último final de semana e em condições sanitárias consideradas satisfatórias, serve de exemplo para encher os organizadores da La Liga de otimismo. A entidade deseja que as equipes viajem somente no dia das partidas e em voo charter. Para isso, está disposta a custear o deslocamento. A ideia de concentração (para evitar eventuais contágios) segue em compasso de espera. Jogadores não são favoráveis, e alguns times não teriam condições de assumir esta despesa. Além disso, é possível que já a partir desta terça-feira fique autorizada a volta dos treinamentos em grupo.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.