Opinião

Nem Luxemburgo é certeza de fazer o Cruzeiro melhor que quatro times da Série B

Fabio Utz
Luxa é sondado para substituir Mozart na Raposa
Luxa é sondado para substituir Mozart na Raposa / Alexandre Schneider/Getty Images
facebooktwitterreddit

Felipe Conceição não deu jeito no Cruzeiro. Mozart, também não está dando. Mas, afinal, alguém consegue este milagre? Pois então, o momento da Raposa é tão dramático que não se tem a certeza sobre nada. Nem mesmo se uma eventual troca do atual treinador para a chegada de Vanderlei Luxemburgo surtirá efeito.

Muitas pessoas devem estar se perguntando se vale a aposta. Eu, sinceramente, não sei se vai adiantar. Há muito tempo se sabe que o problema do clube é estrutural e que isso abala qualquer tentativa de se fazer um trabalho minimamente decente. Óbvio que eu não sou louco de chegar a aqui e dizer que Luxa é incapaz de manter a equipe de Belo Horizonte na Série B - sim, esta é a luta e nada mais importa ao longo de 2021. Porém, o ambiente é nocivo para qualquer profissional.

Todos nós conhecemos o jeito de Luxemburgo trabalhar. Ninguém duvida de sua imposição e de sua maturidade. Mas o quanto um discurso "sincero", do jeito que ele adora dar, cairia bem em um vestiário que já está em chamas? Não seria ele mais um a, apenas, tentar? Talvez sim, talvez não. O Cruzeiro é uma incógnita. É preciso alguém a impor respeito? Com certeza. Agora, não existe nenhuma certeza que só isso é suficiente. Por isso, até o profissional mais consagrado e identificado com o clube irá sofrer e pode sucumbir, mesmo que a missão seja ser melhor que apenas quatro times.

Para mais notícias do Cruzeiro, clique aqui.

facebooktwitterreddit