Flamengo

Nada feito? Negociações não avançam, e dirigentes do Flamengo retornam ao Brasil

Nathália Almeida
Marcos Braz e Spindel retornaram ao Brasil sem noticias boas
Marcos Braz e Spindel retornaram ao Brasil sem noticias boas / Alexandre Neto/Photopress/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Depois de duas temporadas consecutivas indo ao mercado de forma avassaladora e implacável, o Flamengo adota, em 2021, uma postura consideravelmente diferente nas janelas de transferências: continua almejando contratações de ótimo nível técnico, mas sem se dispor a comprometer altas cifras para viabilizá-las.

Com isso, o atual bicampeão brasileiro adentra a segunda semana de agosto ainda sem ter anunciado reforços para a sequência da temporada, panorama que tem preocupado a Nação. E as notícias mais recentes não são positivas para o torcedor rubro-negro: de acordo a apuração do globoesporte.com, a ida de Bruno Spindel e Marcos Braz à Europa não rendeu os resultados esperados, e as tratativas abertas pelo clube da Gávea seguem sem um desfecho.

Kenedy
Kenedy pertence ao Chelsea / Masashi Hara/Getty Images

Os dirigentes rubro-negros viajaram ao Velho Continente com intuito de fechar as contratações do volante Thiago Mendes (Lyon) e do lateral Kenedy (Chelsea), mas não conseguiram costurar acordo com nenhum dos clubes. A fonte citada noticia que franceses e ingleses pediram alto pela cessão de seus respectivos atletas, ultrapassando os valores que o Flamengo estava disposto a pagar pelo empréstimo.

Embora não tenha saído oficialmente das negociações, o Flamengo começa a correr contra o tempo vendo "o cerco se fechando" e os principais mata-matas da temporada chegando em suas fases mais agudas.

facebooktwitterreddit