Mauro Boselli merecia mais oportunidades no Corinthians?

Lucas Humberto
O centroavante poderia ter recebido mais oportunidades ainda no comando de Carille?
O centroavante poderia ter recebido mais oportunidades ainda no comando de Carille? / Miguel Schincariol/Getty Images
facebooktwitterreddit

Mauro Boselli chegou ao Corinthians em 2019. Sua última passagem antes do Timão havia sido o León, time mexicano onde o centroavante construiu um grande legado, sendo um dos maiores goleadores na história do clube. Foram 130 gols marcados entre os anos de 2013 e 2018. Na última temporada pelo Léon, o centroavante fez 29 gols e deu quatro assistências.

Já com a camisa do Corinthians, Bosselli não repetiu o mesmo desempenho, mas também não teve muitas chances para tal. Por conta da disparidade de nível entre a Liga MX, do México, e o Campeonato Brasileiro, talvez não fosse esperado que o centroavante tivesse a mesma performance.

Corinthians v Guarani PAR - Copa CONMEBOL Libertadores 2020 Qualifications
Corinthians v Guarani PAR - Copa CONMEBOL Libertadores 2020 Qualifications / Alexandre Schneider/Getty Images

Ainda assim, no Brasileirão de 2019, o argentino não participou de 16 jogos, sendo que em três desses não esteve no plantel, e em uma partida estava suspenso por conta de cartões amarelos. Boselli esteve entre os onze iniciais somente em 16 jogos. No Campeonato Brasileiro daquele ano, marcou apenas sete gols. O Corinthians, por sua vez, terminou na 8º colocação.

A chegada de Tiago Nunes parecia ter mudado o cenário para o argentino. Logo na primeira fase do Paulistão, o centroavante anotou três gols e deixou duas assistências. Porém, o comando do treinador chegava ao fim, ao passo em que o Corinthians se aproximava das posições mais baixas na tabela - lugar de onde ainda não saiu.

Boselli ainda está se recuperando da lesão sofrida contra o Oeste no Paulista. O argentino sofreu uma fratura no rosto e, por conta disso, ainda não está a disposição de Dyego Coelho, técnico interino. No entanto, o centroavante não deve ter muitas chances de titularidade. Afinal, é concorrente direto de Jô, ídolo da torcida e um dos melhores jogadores do elenco atual.


Há espaço para Boselli no Corinthians?

Sob o comando de Dyego Coelho ou algum eventual técnico, Boselli é qualificado para disputar vaga com Jô. Taticamente falando, ainda é possível utilizar os dois centroavantes em campo, principalmente nos momentos em que for necessário adotar uma postura mais ofensiva. Há espaço para o argentino no Corinthians e, não aproveitá-lo pode não ser a melhor escolha da comissão técnica.

Apesar de não ter apresentado boas atuações nas últimas partidas, Jô é um dos ídolos do Corinthians.
Apesar de não ter apresentado boas atuações nas últimas partidas, Jô é um dos ídolos do Corinthians. / Pedro Vilela/Getty Images

Boselli, com 35 anos, encerra o contrato em dezembro. Há indícios que a renovação não aconteça. Nesse caso, o centroavante se despede como quem tinha condições de ter contribuído mais, afinal tem habilidade para isso. Dizer: "obrigado pelos serviços prestados", talvez não seja suficiente.

Para mais informações sobre o Corinthians, clique aqui.


Todas as informações estatísticas dessa matéria foram retiradas do Transfermkt, site especializado em números do futebol.

facebooktwitterreddit