Futebol brasileiro

As 5 maiores vitórias do São Paulo na história do Choque-Rei

Lucas Humberto
São Paulo costuma ir bem no Choque-Rei, quando disputado no Morumbi
São Paulo costuma ir bem no Choque-Rei, quando disputado no Morumbi / Pool/GettyImages
facebooktwitterreddit

São Paulo e Palmeiras encerram a 13ª rodada do Brasileirão. Em termos de resultados recentes, o favoritismo fica inteiro do lado alviverde. Contudo, qualquer torcedor de média bagagem no esporte sabe bem que a lógica dos clássicos é diferente.

No Morumbi, a torcida costuma criar um clima completamente inóspito para os visitantes. A força psicológica dos comandados de Abel Ferreira será testada ao limite. De novo. Para aquecer, nós listamos as cinco maiores vitórias do Tricolor na história do Choque-Rei.

1. São Paulo 6 x 0 Palmeiras (1939) - Paulistão

A maior goleada da história do Choque-Rei pertence ao São Paulo. Em duelo válido pelo Paulistão, o Verdão sequer viu a cor da bola. Elyseo, Armandinho e Paulo anotaram pelo Tricolor na primeira parcial. Araken abriu o placar no segundo tempo e Armandinho, mais duas vezes, deu números finais ao elástico placar: 6 a 0.

2. Palmeiras 0 x 5 São Paulo (1956) - Paulistão

No dia 10 de novembro de 1956, em pleno Pacaembu, o Alviverde ganhou um presente de Natal adiantado. Ou poderia ser de Páscoa, visto que tratou-se de um verdadeiro chocolate. Lanzoninho, Dino Sani, Gino Orlando (duas vezes) e Maurinho sacramentaram a vitória por 5 a 0. A parcial ainda poderia ter sido maior se Dino Sani não tivesse desperdiçado um pênalti.

3. São Paulo 6 x 2 Palmeiras (1981) - Paulistão

Rival que se preze não liga se o adversário está em crise ou não. E essa era a situação do Palmeiras naquela época. Em contrapartida, o São Paulo não por acaso era chamado de Máquina Tricolor. A parcial nem causou tanta surpresa. Éverton, Mário Sergio (duas vezes), Renato, Serginho Chulapa e Paulo César balançaram as redes.

4. São Paulo 5 x 1 Palmeiras (1949) - Paulistão

Triunfar não era novidade para o Tricolor na década de 1940. Por isso, em 1949, quando um ciclo se encaminhava para o encerramento, era necessário fechar com chave de ouro. Novamente no Pacaembu, a equipe não teve piedade do Verdão. A vitória por 5 a 1 levou o São Paulo para a liderança do Paulistão. Mais tarde, o clube seria campeão ao bater o Santos.

5. São Paulo 5 x 1 Palmeiras (1986) - Paulistão

Devido aos preparativos para a Copa do Mundo de 1986, o São Paulo não teve seu time titular sempre à disposição para o Paulistão daquele ano. Mas, para azar do Palmeiras, a equipe estava completa no dia 27 de julho. No Pacaembu, Careca, Müller, Silas (duas vezes) e Sídnei anotaram na exibição de gala dos tricolores.


São Paulo e Palmeiras medem forças pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro a partir das 20h de Brasília, no Morumbi.

facebooktwitterreddit