Ligue 1

Marquinhos faz gol, PSG vence com autoridade e fica com uma mão na taça da Ligue 1

Matheus Nunes
Marquinhos marcou de cabeça e deu números finais à partida
Marquinhos marcou de cabeça e deu números finais à partida / JEAN-FRANCOIS MONIER/GettyImages
facebooktwitterreddit

O PSG entrou em campo nesta quarta-feira (20) com a chance de soltar o grito de campeão francês. Sem Messi e Neymar, os vermelhos e azuis não tomaram conhecimento do Angers fora de casa e venceu os mandantes por 3 a 0, mas a comemoração ficou para a próxima rodada, já que o Olympique de Marseille também conquistou uma vitória e ainda pode, matematicamente, alcançar o time da capital.

Faltando cinco partidas para o fim da Ligue 1, a equipe de Mauricio Pochettino segue com 15 pontos de diferença para o segundo colocado. Porém, caso derrote ou empate com o Lens no próximo sábado (23), levanta o troféu da competição de forma antecipada e iguala o Saint-Étienne como maior vencedor do Campeonato Francês, com 10 conquistas.

Mbappé, Sergio Ramos e Marquinhos foram os responsáveis por marcar os gols que deram os três pontos para o PSG. Apesar da goleada, quem começou assustando foi o Angers, obrigando Kaylor Navas fazer uma grande defesa logo aos quatro minutos.

A partir dai, só deu Paris. Os visitantes jogaram com tranquilidade, mesmo desfalcados, e abriram o placar aos 28 minutos com Mbappé. Nos acréscimos do primeiro tempo, foi a vez do zagueiro espanhol guardar o dele. Na etapa final, Marquinhos recebeu cruzamento de Di Maria e deu números finais ao duelo.

Olympique estragou a festa do PSG

Até os 29 minutos do segundo tempo, o Marseille empatava em 2 a 2 com o Nantes após sair atrás no placar, resultado que estava dando o título para o time de Neymar e companhia. Porém, aos 30, Amine Harit virou e estragou a festa do PSG.


facebooktwitterreddit