Copa Libertadores

Libertadores: o que ainda está em jogo na última rodada da fase de grupos?

Antonio Mota
Todos os brasileiros seguem vivos na briga por uma vaga para as oitavas de final da Conmebol Libertadores de 2021.
Todos os brasileiros seguem vivos na briga por uma vaga para as oitavas de final da Conmebol Libertadores de 2021. / ANTONIO LACERDA/Getty Images
facebooktwitterreddit

A fase de grupos da Conmebol Libertadores de 2021 caminha para o fim. Nesta semana, os clubes da principal competição da América do Sul entrarão em campo – em partidas válidas pela 6ª e última rodada da etapa – para definir quem vai avançar ao mata-mata continental, quem vai ficar pelo caminho, quem vai 'migrar' para a Sul-Americana, quem vai ter a melhor campanha geral do torneio e muito mais. O foco, seja de qual lado for, é continuar rumo à Glória Eterna.

Neste contexto, confira o que está em jogo na sexta e última rodada da fase de grupos da Libertadores?

Classificados e ‘confortáveis’

Rony Palmeiras Libertadores
Palmeiras e outros três brasileiros se classificaram com antecedência para o mata-mata da Libertadores. / Alexandre Schneider/Getty Images

Das sete equipes brasileiras que estão na fase de grupos da Conmebol Libertadores, quatro já estão classificadas para as oitavas de final. São elas: Flamengo, Palmeiras, Atlético-MG e São Paulo. Fluminense, Santos e Internacional ainda precisam de resultados positivos para avançar na competição continental.

Do quarteto classificado, há dois clubes que brigam pela coroa de melhor campanha geral da etapa, sendo o Galo e o Verdão. Atualmente, o Alvinegro Mineiro é o dono do posto e precisa apenas de uma vitória na última rodada – contra o já eliminado La Guaira, no Mineirão – para confirmar a melhor campanha da fase de grupos (e de sua história na etapa).

O Alviverde Paulista, por sua vez, precisa superar o Universitario, na Allianz Arena, e torcer contra o Alvinegro Mineiro para encerrar a etapa com a melhor campanha geral.

Flamengo Libertadores
Flamengo e São Paulo estão confortáveis na Libertadores. / MAURO PIMENTEL/Getty Images

Além dos que brigam pela melhor campanha geral da fase de grupos, há outros dois times brasileiros que também chegam confortáveis à sexta e última rodada da etapa. Já classificados ao mata-mata da principal competição sul-americana, Flamengo e São Paulo lutam pela liderança de suas respectivas chaves.

Sobrando no Grupo G, o Rubro-Negro precisa apenas de um empate contra o Vélez Sarsfield, em pleno Maracanã, na última rodada, para garantir a ponta de sua chave. O Tricolor, por outro lado, tem uma tarefa mais complicada. Além de precisar vencer o Sporting Cristal, o time tem que secar o Racing, que enfrenta o Rentistas, para avançar como líder do Grupo E.

Dos que vão lutar até o fim

Fluminense Libertadores Fred
Fluminense e Internacional vão brigar para chegar ao mata-mata da Libertadores. / Pool/Getty Images

Enquanto Flamengo, Atlético-MG, São Paulo e Palmeiras já estão tranquilos e classificados, Fluminense, Internacional e Santos vão brigar até o apagar das luzes em busca de uma classificação para o mata-mata continental. Do trio, porém, o Tricolor das Laranjeiras e o Colorado dependem apenas de suas próprias pernas. O Peixe busca um ‘milagre’.

Perseguindo o River Plate, o Fluminense não vai ter vida fácil na última rodada do Grupo D. Vice-líder, o Tricolor precisa “apenas” de uma vitória na sexta jornada para avançar ao mata-mata sem depender de outros resultados. Porém, o Flu vai enfrentar justamente os Millonarios. O Junior Barranquilla, que tem dois pontos a menos que o time do Rio, por sua vez, vai encarar o já eliminado Santa Fe.

Assim, caso não vença na Argentina, o Flu vai ter que torcer para o Junior não conquistar os três pontos na última rodada da chave.

Do outro lado, o Internacional também não vai poder brincar na última jornada do Grupo B da Conmebol Libertadores. De olho nas oitavas de final, o Colorado precisa apenas de uma vitória contra o Always Ready para se classificar sem problemas. Em caso de empate, o clube vai precisar que o Olímpia não vença o Deportivo Táchira para continuar na copa. Uma derrota pode complicar.  

Da missão mais complicada

Fernando Diniz Santos Libertadores
O Santos quer continuar na Libertadores de 2021, mas o cenário não é favorável. / Pool/Getty Images

Dos três brasileiros que ainda buscam a classificação para o mata-mata da principal competição da América do Sul, o Santos é o que enxerga o caminho mais difícil. Isto porque, além do momento complicado na Vila Belmiro, o Alvinegro Praiano não depende apenas de si para continuar rumo à Glória Eterna.

Terceiro no Grupo C, o Peixe precisa vencer o Barcelona-EQU e secar o Boca Juniors para continuar na Libertadores. O cenário não é dos mais favoráveis.

Sul-Americana

Vale notar que, caso acabem ficando na terceira colocação de seus respectivos grupos na Libertadores, Santos, Fluminense e Internacional poderão disputar a Sul-Americana.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit