Copa Libertadores

Os 4 clubes com 100% na fase de grupos na Libertadores no século 21

Lucas Humberto
Verdão encerrou a primeira etapa da Libertadores de forma magistral
Verdão encerrou a primeira etapa da Libertadores de forma magistral / Ricardo Moreira/GettyImages
facebooktwitterreddit

Alcançar a perfeição na fase de grupos do principal torneio continental da América do Sul é algo para lá de raro. Em geral, qualquer clube que chega à Copa Libertadores sabe que irá enfrentar adversidades geográficas, logísticas e, claro, esportivas. Algo que torna o 100% de aproveitamento ainda mais valioso.

Abaixo, nós listamos os quatro únicos clubes que venceram todas suas partidas no atual formato da Libertadores (chaves com quatro equipes).

1. Vasco da Gama (2001)

Vasco da Gama Libertadores Palmeiras Boca Juniors
Cruzmaltino não conseguiu superar o Boca nas quartas / VANDERLEI ALMEIDA/GettyImages

Em 2001, o Vasco da Gama tinha América de Cali-COL, Peñarol-URU e Deportivo Táchira-VEN como companheiros de chave. Foram seis vitórias em seis oportunidades, com direito a 16 gols anotados e apenas cinco sofridos.

Aliás, o Cruzmaltino aumentou a marca com mais dois triunfos nas oitavas de final. A queda, contudo, veio na etapa seguinte. Nas quartas, o Boca Juniors, que mais tarde seria o campeão do torneio, eliminou a equipe carioca.

2. Santos (2007)

Santos Grêmio Libertadores Palmeiras
No duelo de brasileiros, melhor para o Grêmio / EVARISTO SA/GettyImages

Acompanhado de Defensor-URU, Gimnasia y Esgrima-ARG e Deportivo Pasto-COL no grupo, o Santos protagonizou uma primeira etapa de Libertadores com requintes de perfeição. Além das vitórias, o Peixe emplacou 12 gols e sofreu apenas um.

A equipe paulista avançou à semifinal, mas acabou caindo ante o Grêmio. Na grande decisão, mais um título na conta do Boca Juniors. Com placar agregado de 5 a 0, o gigante argentino conquistou novamente a Glória Eterna Domínio!

3. Boca Juniors (2015)

Boca Juniors Libertadores Palmeiras River Plate
Suspensão do Boca é um dos episódios mais conturbados da história recente da Libertadores / Amilcar Orfali/GettyImages

Campanha histórica, desfecho vexatório. Em 2015, os xeneizes não deram nenhuma chance ao Montevideo Wanderers-URU, Palestino-CHI e Zamora-VEN. Com 19 gols (!) anotados e apenas dois sofridos, o Boca Juniors alcançou o 100% de aproveitamento de forma magistral.

Nas oitavas de final, diante do arquirrival River Plate, o hexacampeão continental foi excluído pela Conmebol devido ao episódio do spray de pimenta, confusão generalizada e tumultos em campo. Os Millonarios batem o Tigres na final.

4. Palmeiras (2022)

Gustavo Scarpa Palmeiras Libertadores
Verdão impôs nova goleada / Ricardo Moreira/GettyImages

A última das campanhas perfeitas foi encerrada nesta terça-feira (24). Com a nova goleada diante do Deportivo Táchira-VEN, o Palmeiras chegou aos 25 tentos feitos, tendo a defesa vazada apenas três vezes. As demais vítimas foram Emelec-EQU e Independiente Petrolero-BOL.

facebooktwitterreddit