Brasileirao Série A

'Lei do ex' em campo e fora: Corinthians perde para o Ceará e vê Cássio mais uma vez se tornar vilão

Fabio Utz
Goleiro falhou feio no primeiro gol do Vozão
Goleiro falhou feio no primeiro gol do Vozão / Miguel Schincariol/GettyImages
facebooktwitterreddit

E o Corinthians, hein? Depois da boa vitória contra o Santos, se esperava do Timão a mesma postura e, claro, o mesmo resultado. Só que do outro lado estava um embalado Ceará, que mais do que nunca entrou na briga por vaga à próxima Libertadores. A vitória por 2 a 1 do Vozão teve lei do ex dentro e fora de campo e ainda um ídolo da torcida voltando a falhar.

O resultado começou a ser construído ainda no primeiro tempo. Cássio, que há algum tempo já não tem total respaldo por parte da Fiel, viu o mundo desabar em sua cabeça quando saiu jogando errado e entregou a bola de presente para o adversário. Na sobra, Vina arrematou de primeira, de fora da área, para abrir o placar com o arqueiro adversário totalmente batido e sem condições de interceptação.

No segundo tempo, quando Róger Guedes deixou tudo igual, nada indicava que algo poderia mudar mais uma vez no placar. Só que daí apareceu um ex-corintiano para recolocar os donos da casa na frente e garantir o triunfo. Yony González, de cabeça, fez a festa da torcida e, claro, do técnico Tiago Nunes, de passagem muito apagada pelo Parque São Jorge e que, agora, alça o clube nordestino a um patamar inimaginável antes da sua chegada. Aliás, há quem diga que Cássio falhou nesse lance também.

COMO FICA A SITUAÇÃO DOS TIMES

O Corinthians, mesmo com a derrota, segue na quarta colocação com 53 pontos - foi beneficiado pelo revés do Fortaleza. Já o Ceará subiu para oitavo com 49. Ou seja, caso tenhamos um G-8, a Libertadores, hoje, seria uma realidade para o time.

facebooktwitterreddit