Koeman, sobre reforços no Barcelona: "Se me perguntar se tenho o plantel ideal, tenho minhas dúvidas"

Rodrigo Salomao
FBL-ESP-LIGA-BARCELONA-REAL MADRID
FBL-ESP-LIGA-BARCELONA-REAL MADRID / LLUIS GENE/Getty Images
facebooktwitterreddit

Um tanto quanto discreto desde que chegou à Catalunha, Ronald Koeman falou e falou bastante. O treinador do Barcelona conversou com veículos como Sport e Mundo Deportivo, comentando sobre o andamento da atual temporada, sobre Lionel Messi e a possível chegada de contratações em janeiro.

Sobre o atacante argentino, Koeman contou a famosa conversa que teve com Messi assim que ele assumiu o time: 

"Me disseram que o Messi
estava infeliz . Conversamos em casa. Ele me deu os seus motivos e expliquei-lhe o que podia mudar: fui sincero, lhe disse que só podia mudar as coisas do futebol; o meu trabalho , o meu sistema de jogo, a sua posição em campo, a sua importância como jogador. Também lhe disse que as coisas que ele tinha com o clube eu não podia mudar. No final, ficar foi uma decisão dele. Falei com ele no primeiro dia com toda a franqueza e nunca duvidei dele. Vejo-o treinar todos os dias e gosta de jogar" , disse o holandês.

Outro ponto abordado por Koeman foi a qualidade do atual elenco. O técnico reconheceu que "ainda tem dúvidas" se é de fato o plantel ideal para executar seu trabalho neste momento, dando a entender a necessidade de contratações:

Sempre falamos sobre o futuro, quais jogadores podemos contratar e onde precisamos de mais, mas sabendo o momento que o clube está passando economicamente, não se pode pedir muito [...] já disse várias vezes o que falta. Se houver possibilidades Vamos tentar buscar, sim", adiantou, confirmando também que Memphis Depay está em conversas avançadas para acertar com o clube.

facebooktwitterreddit