Juventus

Juventus planeja negociar Arthur e Rabiot nesta janela de transferências de verão; saiba mais

Wéverton Rodrigues
Arthur Melo fez 31 jogos na última temporada com a camisa da Juve, e não marcou gols
Arthur Melo fez 31 jogos na última temporada com a camisa da Juve, e não marcou gols / BSR Agency/GettyImages
facebooktwitterreddit

Arthur Melo é, mais uma vez, um nome preterido no elenco do time no qual está jogando. Dessa vez, é a Juventus que não pretende mais contar com o meio-campista revelado pelo Grêmio. Ao futebol europeu, o jogador de 25 anos chegou em 2018, comprado pelo Barcelona junto ao Imortal por 31 milhões de euros. Apesar de ter tido alguns bons momentos, ele não conseguiu assegurar sua permanência e acabou sendo negociado com a Velha Senhora, em 2020, por 76 milhões de euros

Com contrato válido até dia 30 de junho de 2025 com a equipe de Turim, o jogador fez 20 partidas na Série A Italiana na temporada 2021/22 - competição onde mais atuou. A falta de brilho, porém, levou à decisão final de ouvir propostas para uma possível negociação. O Arsenal cogitou levar o jogador em um empréstimo de 18 meses. Ao final, o time de Londres ainda poderia exercer a compra do atleta por um valor fixado em 40 milhões de euros. Mas, ao que tudo indica, o diretor técnico Edu passou a focar em Youri Tielemans, do Leicester City.

E não é somente o brasileiro Arthur que está fora dos planos do técnico Massimiliano Allegri: o francês Adrien Rabiot é mais um que não ficará na Juve para a próxima temporada. Depois de 45 jogos na temporada, o tímido desempenho o fez ser criticado pela torcida, que esperava mais de suas atuações. Dessa forma, a diretoria do time de Turim decidiu, da mesma forma, ouvir propostas de times que o queiram levar.

O retorno de Paul Pogba é, no final das contas, o principal motivador para o desejo do clube de negociar o brasileiro e o francês. Apesar de não ter sido anunciado oficialmente ainda, é certo, segundo diversos veículos, que o ex-Manchester United vestirá novamente a camisa do time italiano. O contrato, ao que tudo indica, será de quatro anos

facebooktwitterreddit