Futebol Internacional

Inter de Milão chega a acordo e anuncia rescisão contratual com Christian Eriksen

Antonio Mota
Após parada cardíaca na Euro, Christian Eriksen não vai continuar na Inter de Milão em 2022.
Após parada cardíaca na Euro, Christian Eriksen não vai continuar na Inter de Milão em 2022. / Paolo Rattini/GettyImages
facebooktwitterreddit

A Inter de Milão anunciou, na manhã desta sexta-feira, 17, a rescisão contratual com o meio-campista Christian Eriksen. Em nota, o atual campeão da Serie A Italiana falou que alcançou um acordo amigável e rompeu o vínculo com o meia de 29 anos, com quem tinha contrato até meados de 2024, que sofreu uma parada cardíaca na estreia da Dinamarca na Eurocopa.  

Após o problema cardíaco na Euro, Eriksen precisou colocar um desfibrilador no peito, algo que o impede de entrar em campo na Itália. O futebol italiano proíbe que jogadores com o dispositivo atuem no país. “O Clube e toda a família Nerazzurri abraçam o jogador e desejam-lhe o melhor para o seu futuro”, destacou o clube, em nota.

A Internazionale ainda destacou que, mesmo que tenham seguido caminhos diferentes, a Inter e Eriksen ficarão juntos para sempre, com um vínculo forte e indissolúvel. “Os melhores momentos, os gols e as vitórias, o abraço da torcida de fora do San Siro na celebração do Scudetto: tudo ficará para sempre fixo na história dos Nerazzurri”, completou o clube.

Formado no Ajax e com passagem pelo Tottenham, Christian Eriksen chegou a Inter de Milão no ano passado e, desde então, acumulou 60 partidas, 8 gols e 3 assistências pela equipe. No período, o meio-campista também conquistou o Campeonato Italiano.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit