Brasileirao Série A

Hulk amplia jejum de gols e ouve vaias no Mineirão ao ser substituído em derrota do Atlético-MG

Bia Palumbo
Hulk é o artilheiro do Atlético-MG na temporada, mas não marca há sete jogos pelo Brasileirão
Hulk é o artilheiro do Atlético-MG na temporada, mas não marca há sete jogos pelo Brasileirão / DOUGLAS MAGNO/GettyImages
facebooktwitterreddit

Autor de 24 gols na temporada, Hulk enfrenta o pior momento dele no Brasileirão 2022, visto que passou em branco nos últimos sete jogos. Substituído pela segunda vez consecutiva na derrota do Atlético-MG por 1 a 0 para o Goiás, ele deixou o gramado sob protesto de alguns torcedores que foram ao Mineirão. Pedro Raul foi quem balançou a rede do goleiro Everson.

"[Vaiaram] porque não estamos ganhando. Futebol é assim: não adianta criar inúmeras chances, ter o controle e não ganhar. Resultado apaga muitas coisas. Lamentamos o que vem acontecendo. Estamos lutando, em alguns momentos jogamos até melhor que os adversários e ninguém sabe explicar porque a bola não entra. Quando está nessa fase precisa trabalhar e ter fé em Deus, uma hora os gols ."

Hulk, atacante do Atlético-MG

Titular absoluto, o camisa 7 balançou a rede no Campeonato Brasileiro pela última vez em 2 de julho, quando converteu pênalti no 2 a 1 sobre o Juventude em Caxias do Sul. Desde então foram sete partidas, sendo duas vitórias, dois empates e três derrotas. Neste período o atacante atuou praticamente o tempo todo, exceto contra o Athletico-PR, quando começou no banco porque Cuca optou por escalar um time alternativo.

Neste final de semana alguns torcedores também usaram as redes sociais para criticar o artilheiro e estrela do Galo no título brasileiro em 2021.

facebooktwitterreddit