Futebol brasileiro

Herói ou vilão? Expulsão de Allan na final do Mineiro divide opiniões na torcida do Galo

Lucas Humberto
América e Atlético-MG empataram sem gols no primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro.
América e Atlético-MG empataram sem gols no primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro. / GLEDSTON TAVARES/FramePhoto/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Completamente aberta! Neste domingo (16), o América-MG recebeu o Atlético-MG no Estádio Independência pelo primeiro jogo da final do Campeonato Mineiro. A reedição da decisão de 2016, no entanto, não teve heróis improváveis ou grandes emoções. Pelo contrário, empate sem gols, com direito a expulsão de Allan na reta final do segundo tempo.

Mesmo tendo um homem a mais por quase 20 minutos, o Coelho não conseguiu balançar as redes, visto que o Galo se fechou e agora joga por um novo empate no duelo de volta. Em linhas gerais, foi um confronto truncado, de pouco preciosismo técnico e raras chances de gol. Matheus Cavichioli e Everson, arqueiros das equipes, quase não trabalharam.

Everson fez poucas defesas.
Everson fez poucas defesas. / Pedro Vilela/Getty Images

Diante das circunstâncias, as redes sociais foram tomadas por discussões acerca da expulsão de Allan Rodrigues. No lance, o volante matou um contra-ataque de Ademir e acabou recebendo cartão vermelho. Alguns torcedores defenderam a atitude do jogador, enquanto outros criticaram.

Em entrevista concedida após o jogo, Ademir ressaltou que as chances do América-MG seguem abertas: "Lutamos até o fim, mas não conseguimos vencer. Não poderíamos deixar eles ampliarem a vantagem que tinham e isso foi feito. Agora é trabalhar forte para vencer no próximo jogo e levar a taça". (via O Tempo)

A partida de volta da semifinal acontece no próximo sábado (22), às 16h30 de Brasília, no Mineirão.

facebooktwitterreddit