Atlético MG

Herói da decisão, Everson exalta a Massa e provoca Flamengo: 'O campeão é o Galo'

Nathália Almeida
Everson foi decisivo nas penalidades
Everson foi decisivo nas penalidades / ALEXANDRE NETO/Photopress/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

A épica campanha que culminou no primeiro título de Copa Libertadores do Atlético-MG, em 2013, rendeu aos mineiros a alcunha de "time do impossível". Na tarde deste domingo (20), o Galo voltou a viver um dia de 2013, contrariando os prognósticos negativos diversas vezes para prevalecer sobre o rival Flamengo, na decisão da Supercopa do Brasil.

Apesar de ter aberto o placar com Nacho Fernández, ainda na etapa inicial, o Galo sofreu a virada no segundo tempo e parecia "nas cordas" até o artilheiro Hulk igualar o marcador e levar a disputa da taça às penalidades. Da marca da cal, aconteceu de tudo um pouco: golaços, belas defesas e muitas cobranças terríveis, especialmente na fase das alternadas. Ao todo, foram 24 batidas totais e 8 a 7 no placar para o time mineiro, com Everson saindo de campo como herói com três defesas. Muito emocionado, o goleiro atleticano fez questão de exaltar a torcida alvinegra e alfinetou o rival:

Everson
Everson teve grande atuação na Arena Pantanal / Buda Mendes/GettyImages

"Cara, estou aqui há um ano meio e aprendi a viver o Atlético. É isso ai, sofrimento. Quatro pênaltis para eles serem campeões, e nossa torcida gritou "eu acredito!". Gritaram "campeão" antes da hora, mas o campeão é o Galo. Merecidamente, pelo o que fizemos ano passado. Colocamos mais uma vez nosso nome na história do clube."

Everson, em entrevista pós-jogo

Campeão da Supercopa do Brasil, o Atlético-MG completa a trinca de taças nacionais disputadas no intervalo do último ano, afinal, chegou à disputa com status de atual vencedor do Brasileirão e da Copa do Brasil. Agora, o Alvinegro volta suas atenções ao Campeonato Mineiro, torneio pelo qual enfrentará o Pouso Alegre no próximo sábado (26).

facebooktwitterreddit