Grêmio

Grêmio vai à Fifa contra o Porto após atraso no pagamento de Pepê - saiba os valores envolvidos

Fabio Utz
Atacante foi vendido aos portugueses por 15 milhões de euros
Atacante foi vendido aos portugueses por 15 milhões de euros / Quality Sport Images/GettyImages
facebooktwitterreddit

Não é só time brasileiro que atrasa seus compromissos, não. E, por conta de uma inadimplência, o Grêmio colocou o Porto na Fifa. A ação diz respeito ao não pagamento de uma das parcelas do atacante Pepê.

Como relembra o UOL Esporte, os clubes acertaram a transferência do atleta em fevereiro de 2021 por 15 milhões de euros - R$ 98 milhões, à época). Deste total, 70% iriam para os cofres tricolores. Os valores seriam quitados em cinco parcelas, mas a equipe portuguesa não repassou a terceira parcial, de 2,5 milhões de euros (R$ 15,9 milhões, fazendo a conversão neste momento).

Pepê Grêmio Fifa Porto Ação Atraso Pagamento
Pepê deixou o Grêmio durante a temporada de 2021 / Silvio Avila/GettyImages

Antes de acionar a Fifa, a direção gremista procurou o Porto, e este justificou a situação por conta de uma janela de transferências sem a entrada de grandes recursos nos cofres. No início de dezembro, então, a entidade que comanda o futebol mundial recebeu a documentação dos gaúchos, mas o caso ainda não passou por apreciação.

Para mais notícias do Grêmio, clique aqui.

facebooktwitterreddit