Cruzeiro

Goleiro e lateral-direito são entraves para início de temporada do 'novo Cruzeiro' - entenda

Fabio Utz
Goleiro Fábio tem futuro incerto no clube mineiro
Goleiro Fábio tem futuro incerto no clube mineiro / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Cruzeiro iniciou as suas atividades de 2022 nesta terça-feira. Porém, a entrada de um novo projeto de gestão de futebol faz com que o elenco ainda tenha diversas lacunas. Em um primeiro momento as posições de goleiro e lateral-direito são as que mais preocupam.

Na meta da Raposa, por enquanto Lucas França é único nome garantido para começar a temporada. Fábio, titular absoluto e ídolo da torcida, trabalha junto à direção uma renegociação de contrato e repactuação de dívidas para poder seguir atuando, mas a primeira reunião terminou sem acordo. Quanto a Jailson, antes anunciado como reforço, existe uma tratativa com seu estafe também para uma readequação. Vinícius, com vínculo até o fim de 2023, é outro que tem situação indefinida.

Jailson Goleiro Elenco Cruzeiro 2022 Finanças Gestão
Goleiro Jailson ainda não tem situação definida junto à Raposa / Miguel Schincariol/GettyImages

Para o lado, a preocupação é ainda maior. Raúl Cáceres é o único atleta do setor com contrato em vigor - vale até o final do ano. No entanto, também foi atingido pela questão financeira, tanto que sequer se reapresentou. Pará chegou a ter sua contratação confirmada, só que tudo mudou desde a entrada de Ronaldo Nazário no clube, e o experiente profissional sequer desembarcou em Belo Horizonte. Lateral de origem, Rômulo faz parte do grupo, mas prefere atuar no meio-campo. Com isso, Geovane pode ser promovido ao elenco principal depois da Copa São Paulo de Futebol Júnior.

Em resumo: o trabalho pelos lados do Cruzeiro começa com pontos de interrogação importantes. Será que a disputa da Série B fica comprometida desde já?

Para mais notícias do Cruzeiro, clique aqui.

facebooktwitterreddit