Brasileirao Série A

Gabigol se revolta com expulsão em derrota do Flamengo para o Inter: 'Várzea'

Nathália Almeida
Gabigol foi expulso no segundo tempo
Gabigol foi expulso no segundo tempo / Wagner Meier/Getty Images
facebooktwitterreddit

Depois de sete partidas consecutivas deixando os adversários "de cabelo em pé", hoje foi a vez do Flamengo ser vítima de um adversário inspirado. Com uma atuação perfeita em sua estratégia de jogo, o Internacional não somente impôs a primeira derrota da 'era Renato', como saiu do Maracanã com uma goleada emblemática: 4 a 0 sobre o atual bicampeão brasileiro, a maior vitória da equipe gaúcha desde a chegada de Diego Aguirre ao clube.

Com Yuri Alberto e Taison em noite inspirada, o Colorado conseguiu tirar o Rubro-Negro do eixo, vencendo até mesmo as batalhas mentais do duelo. Prova disso veio aos 18 minutos do segundo tempo, quando Gabriel Barbosa recebeu o segundo cartão amarelo em sequência e acabou sendo expulso: amarelado por cometer falta, bicou a bola para longe e criticou o árbitro da partida, recebendo o vermelho pelo ato de indisciplina. Na saída de campo, esbravejou.

"Isso é uma piada. Por isso que o futebol brasileiro é uma várzea"

Gabigol, ao receber cartão amarelo
Gabriel Barbosa
Flamengo teve atuação ruim no Maracanã / Wagner Meier/Getty Images

A goleada sofrida em casa para o Internacional encerra uma série de sete vitórias consecutivas do Mais Querido sob comando de Renato Gaúcho, que experimentou sua primeira derrota como treinador rubro-negro justo diante de seu antigo arquirrival. Sem tempo para remoer o resultado duro, o clube carioca volta suas atenções para a Conmebol Libertadores, onde enfrentará o Olimpia (PAR), equipe que eliminou o Colorado da competição continental. O primeiro jogo da eliminatória será na quarta-feira, dia 11 de agosto, em Assunção.

facebooktwitterreddit