Brasileirao Série A

Freguês? Santos tem péssimo retrospecto recente contra o Palmeiras - veja números

Vitor Beloti
Marinho é a grande estrela do Santos.
Marinho é a grande estrela do Santos. / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

O clássico entre Palmeiras e Santos, que acontecerá neste sábado (10), às 16h30, no Allianz Parque, será mais uma oportunidade do clube santista em amenizar seu péssimo retrospecto recente diante deste rival.

Nas últimas 13 partidas disputadas entre os rivais, o Verdão teve sete vitórias e quatro empates, perdendo apenas dois jogos. Este retrospecto demonstra a grande superioridade da equipe alviverde nos últimos anos após sua renovação no futebol.

A primeira vitória do Peixe neste 'recorte' foi em março de 2018, quando derrotou o Palmeiras por 2 a 1 pela semifinal do Campeonato Paulista. A segunda vitória aconteceu em outubro de 2019, pelo placar de 2 a 0, pelo returno do Brasileirão. À época, o Alvinegro ainda era dirigido pelo argentino Jorge Sampaoli, técnico que chegou a negociar com o Palmeiras.

Breno Lopes
Breno Lopes brilhou na final da Libertadores. / Pool/Getty Images

No entanto, dentre estas sete vitórias conquistadas pela equipe palmeirense, teve uma que foi bastante especial para os torcedores: o triunfo na final da Libertadores de 2020, no Maracanã. Naquela ocasião, o jogo foi decidido nos últimos minutos de partida, com gol de Breno Lopes, anotando 1 a 0 no placar e levando, pela segunda vez, a taça da Conmebol Libertadores à sala de troféus alviverde.

Invicto há cinco jogos diante do Santos, o Palmeiras - atual líder do Brasileirão com 22 pontos -, enxerga mais uma oportunidade de embalar na temporada e aumentar essa escrita positiva contra a equipe da baixada santista. Já o time comandado por Fernando Diniz, sétimo colocado com 15 pontos, vai ao clássico com grandes ambições de quebrar esse tabu e chegar, de vez, nas primeiras colocações da competição.

facebooktwitterreddit