Opinião

Flamengo: com todos à disposição, qual deveria ser o time titular de Paulo Sousa?

Antonio Mota
Paulo Sousa pode dar certo no Flamengo. E time tem para tal. É ajustar, trabalhar e não perder o foco no campo e bola.
Paulo Sousa pode dar certo no Flamengo. E time tem para tal. É ajustar, trabalhar e não perder o foco no campo e bola. / Wagner Meier/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Flamengo venceu o Goiás por 1 a 0, no Maracanã, no último final de semana, pela sétima rodada do Campeonato Brasileiro, e chegou ao quarto jogo de invencibilidade na temporada – contando partidas de Copa do Brasil, Conmebol Libertadores e Série A. Ainda assim, o Rubro-Negro continua pressionado, vaiado e distante do nível que pode, ou melhor, que se é esperado por tal. E como não seria diferente, o técnico Paulo Sousa aparece como o ponto central de toda a insatisfação.

E motivos não faltam para tamanho aborrecimento por parte dos torcedores. Até aqui, em quase cinco meses de trabalho, o treinador do Fla não conseguiu dar um rosto à equipe. Existem alguns traços, ideias e noções sobre o time que Paulo Sousa quer e espera, mas ainda não há um conjunto que apresente isso da melhor maneira ou durante 90 minutos. Contra o Goiás, por exemplo, o Mais Querido novamente oscilou entre um tempo e outro.

Pedro, Gabriel Barbosa, Pablo Flamengo Brasileirão Futebol
Flamengo tem um elenco muito forte. / Wagner Meier/GettyImages

Não para por aí. Paulo Sousa já cometeu muitas gafes com improvisações sem fundamento e testes em momentos totalmente equivocados. Mas segue o jogo, o português merece uma oportunidade. Há, porém, como melhorar (e muito!) e um bom começo seria por, com todo o elenco à disposição, definir uma equipe ideal, um time titular.

Com todos disponíveis, o Flamengo ficaria extremamente competitivo com os seguintes nomes: Santos no gol; Matheuzinho na lateral direita; Rodrigo Caio e Pablo na zaga; Ayrton Lucas na ala esquerda; e o meio e ataque com Willian Arão, João Gomes, Éverton Ribeiro, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. Pedro, em determinados jogos, também entraria muito bem na equipe, tirando Arão ou Éverton, por exemplo.

O Flamengo com essas peças teria um equilíbrio interessante entre os setores, um vigor notável e muita qualidade tanto defensiva quanto ofensivamente. No gol, Santos é o titular. Matheuzinho e Ayrton são muito úteis e funcionais. A zaga fica muito firme como Rodrigo Caio e Pablo – e a opção David Luiz também é excelente. Arão e Gomes têm vaga certa e o ataque também é muito redondo, entregando velocidade, técnica e capacidade de decisão. No todo, Paulo Sousa tem opções de ponta e pode montar um Flamengo muito forte, mas ainda tem sido minado pelos problemas físicos da equipe e, por vezes, nos próprios erros. Tem, no entanto, como dar certo. É observar e dar tempo ao tempo.

facebooktwitterreddit