Brasileirao Série A

Flamengo aciona o STJD e tenta a liberação da presença de público no Campeonato Brasileiro

Antonio Mota
Flamengo aciona o STJD e cobra a liberação da presença de público em seus jogos como mandante no Campeonato Brasileiro.
Flamengo aciona o STJD e cobra a liberação da presença de público em seus jogos como mandante no Campeonato Brasileiro. / YASUYOSHI CHIBA/Getty Images
facebooktwitterreddit

O Flamengo entrou com uma medida cautelar inominada no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) na última terça-feira, 3, pedindo que a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) permita que o clube reabra os portões em seus jogos como mandante no Campeonato Brasileiro. Internamente, o Rubro-Negro acredita que possa conseguir um sinal positivo.

De acordo com informações do globoesporte.com, o Fla não vê motivos para não ter mais público no Maracanã desde que cumpra com as determinações do Governo do Rio de Janeiro. O site informou ainda que o clube teria elaborado a sua ação com base em eventos anteriores e nos protocolos da prefeitura local.  

Flamengo Torcida Público Maracanã rio janeiro stjd
Flamengo quer contar com público em jogos como mandante no Brasileirão. / Alexandre Loureiro/Getty Images

Recentemente, o Rio de Janeiro anunciou a liberação de 10% da capacidade de público do Maracanã, o que equivale a cerca de 7 mil pessoas. O percentual, porém, não agradou ao Flamengo, que decidiu mandar o jogo de volta das quartas de final da Conmebol Libertadores, contra o Olimpia, no dia 18, no Mané Garrincha, em Brasília.

Vale notar que, por enquanto, a CBF pensa em liberar o público apenas nas quartas de final da Copa do Brasil.   

Libertadores

No final do mês passado, o Flamengo recebeu o Defensa y Justicia com público no Mané Garrincha, em Brasília, pelo jogo de volta das oitavas de final da Libertadores, que é um torneio que da Conmebol. Na oportunidade, o clube colocou pouco mais de 5.5 mil torcedores no estádio.

Contra o Olimpia, do Paraguai, nas quartas de final do torneio, o Rubro-Negro espera ocupar um espaço maior do Mané Garrincha, onde é permitido colocar até 30% da capacidade máxima do palco – cerca de 20 mil pessoas.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit