Ex-Inter marca e provoca São Paulo no Morumbi; Volpi e Reinaldo discutem

Nathália Almeida
Jan 23, 2021, 9:35 PM GMT-3
São Paulo e Coritiba ficaram no 1 a 1 no Morumbi
São Paulo e Coritiba ficaram no 1 a 1 no Morumbi | Van Campos/O Fotografico/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Quando a fase não é boa, os enredos mais improváveis costumam se confirmar. Na noite deste sábado (23), o pressionado São Paulo entrou em campo com o peso do mundo sobre suas costas mas, mais uma vez, não conseguiu transformar o cenário desfavorável em combustível: nova atuação ruim e empate por 1 a 1 diante do Coritiba, atual vice-lanterna do Brasileirão.

O Tricolor Paulista vencia a partida por 1 a 0 até a reta final do confronto, quando sofreu uma verdadeira pane: permitiu um contra-ataque puxado por Ricardo Oliveira, centroavante de 40 anos de idade, que terminou em gol de Martin Sarrafiore. Quis o destino que o gol do Coxa fosse justamente de um jogador que pertence ao Internacional, adversário direto do São Paulo na briga pelo título brasileiro.

Sarrafiore anotou o gol de empate e provocou São Paulo
Sarrafiore anotou o gol de empate e provocou São Paulo | MAURO HORITA/Gazeta Press

O enredo fica ainda mais trágico para o São Paulo se analisarmos o histórico de Sarrafiore: o jovem meio-campista, emprestado pelo Internacional ao Coritiba, vivia um jejum de mais de 15 meses. Seu último gol datava de 17 de outubro de 2019, na vitória do clube gaúcho contra o Avaí por 2 a 0. Na comemoração, o argentino ainda deu aquela provocada no rival, imitando a comemoração do atacante colorado Yuri Alberto.

Discussão acalorada em campo

Presente no Morumbi para a cobertura do duelo com transmissão do Premiere, o repórter Marco Aurélio Souza informou que, após o apito final, o goleiro Tiago Volpi e o lateral-esquerdo Reinaldo discutiram fortemente ainda dentro de campo. Mais um sinal de que o clima não está nada bom nos bastidores do Tricolor, que acumula cinco partidas sem vencer no Brasileirão e pode perder até a segunda posição da classificação na rodada, caso o Flamengo vença o Athletico em Curitiba.

facebooktwitterreddit