Copa Libertadores

Estreia do Flamengo na Libertadores deve ser adiada por governo peruano; Conmebol ainda não se posicionou

Fabio Utz
Partida contra o Sporting Cristal, em Lima, está marcada para esta terça
Partida contra o Sporting Cristal, em Lima, está marcada para esta terça / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

A estreia do Flamengo na Libertadores não deve mais acontecer nesta terça-feira. Aguarda-se, a qualquer momento, a confirmação do adiamento da partida contra o Sporting Cristal-PER, em Lima.

A medida tem relação direta com o estado de sítio decretado na capital peruana pelo presidente do país, Pedro Castillo. A determinação é válida até o final do dia por conta de intensos protestos contra a alta dos preços dos combustíveis e fertilizantes. Diante deste posicionamento, o ministro da Justiça deixou claro que o duelo no estádio Nacional estava inviabilizado. Ele falou em medidas extraordinárias e deixou claro que um jogo de futebol não deve se sobrepor à tranquilidade de uma nação.

Durante o período de estado de sítio, somente as chamadas atividades de primeira necessidade podem ser mantidas. E eles envolvem a área da saúde, distribuição de água, saneamento, eletricidade, gás, combustíveis, transporte de cargas e mercadorias, limpeza e coleta de resíduos, serviços funerários e telecomunicações. A Conmebol, até agora, não se manifestou. Lembrando que o Rubro-Negro tem como objetivo conquistar seu terceiro título na história da Libertadores.

Para mais notícias do Flamengo, clique aqui.

facebooktwitterreddit