Brasileirao Série A

"Esse grupo merece demais", "virada histórica" e mais: as aspas do título brasileiro do Atlético-MG

Daniel Farias
Cuca comandou o Galo rumo ao título | Bahia v Atletico Mineiro - Brasileirao 2021
Cuca comandou o Galo rumo ao título | Bahia v Atletico Mineiro - Brasileirao 2021 / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

Os atleticanos estão em festa! 50 anos após o último título brasileiro, o Atlético-MG volta a ocupar o topo do futebol do país. Nesta quarta-feira (2), o Galo superou o Bahia e, restando duas rodadas para o fim Série A, não pode mais ser alcançado por nenhuma outra equipe. O momento é de muita alegria e comemoração entre os torcedores, jogadores e membros da comissão técnica e da diretoria.

Logo após a partida, o atacante Hulk, grande nome da campanha vitoriosa do clube mineiro, conversou com a imprensa e manifestou sua alegria em conquistar o título brasileiro. "Poder voltar aqui em Salvador, na Bahia, onde eu comecei, onde eu dei meu primeiro toque na bola como profissional, e poder comemorar um título com essa grandeza, com essa expressão, pra história do clube, que estava há 50 anos sem ganhar. Deus é maravilhoso demais, ele escreve certo por linhas tortas", disse o jogador de 35 anos.

Nas falas de Hulk, não faltaram elogios ao elenco montado pelo Atlético-MG: "Esse grupo merece demais, é maravilhoso. Eu me sinto privilegiado por ter participado desse grupo aqui. Voltei a ser um moleque da base, voltei a querer cada vez mais nos treinos, nos jogos. Esse grupo merece demais". Enquanto concedia a entrevista, Hulk foi abraçado e festejado pelo lateral Guilherme Arana, provando o espírito de união entre os jogadores.

"Quando eu olhei o troféu ontem - me mandaram a foto - eu olhei a foto e falei assim: “cara, esse troféu tem tudo a ver com a gente". São 50 anos que o Atlético não comemorava o título. Então às vezes a gente passa por momentos difíceis, temos que ter fé em Deus sempre, trabalhar, manter os pés no chão, manter humildade, que ele é maravilhoso. Eu ia só agradecer a Deus. Não tenho mais palavras, é só gratidão."

Hulk, atacante do Atlético-MG

Quem também falou à imprensa foi outro grande personagem da conquista, o técnico Cuca. O treinador de 58 anos entra de vez para a história do Galo, conquistando mais um título em seu extenso currículo. Com este novo título, alguns torcedores chegaram a considerá-lo o maior técnico da história do Atlético-MG. O próprio Cuca respondeu à questão: "O maior é o Telê. Eu era fã dele. Incomparável! Se eu ficar em segundo, terceiro, tá bom".

"Como é difícil, né? Um jogo desse, complicado, uma virada histórica dessa. Eu imagino o torcedor como tá agora. Agora era o meu sonho isso aqui. Tirar essa estrelinha daqui e passar ela para o lado para por mais uma aqui. Agora a gente tem duas. Amém! Obrigado, meu Deus!"

Cuca, técnico do Atlético-MG
facebooktwitterreddit