Vasco da Gama

Empresa dona de clube da primeira divisão da Itália tem interesse em futura SAF do Vasco

Fabio Utz
Clube carioca estuda possibilidade de se tornar uma empresa
Clube carioca estuda possibilidade de se tornar uma empresa / Tom Shaw/GettyImages
facebooktwitterreddit

Foi em dezembro que o Vasco da Gama anunciou a intenção de virar um clube-empresa. Desde então, conversas praticamente diárias acontecem nos bastidores de São Januário no intuito de se encontrar um modelo ideal de projeto a ser implantado – caso realmente isso se torna uma realidade. Ao mesmo tempo, possíveis investidores interessados começam a se aproximar de São Januário.

Informação da Bloomberg, confirmada pelo GE, dá conta de que o 777 Partners, grupo de investimento com sede em Miami, nos Estados Unidos, mantém diálogo com o Cruz-Maltino. A empresa, aliás, é dona de alguns clubes pelo mundo, entre eles o Genoa, da primeira divisão da Itália. Empresas nacionais, da Europa e do Oriente Médio também fizeram contato, mas por enquanto nenhuma negociação foi aberta.

O mercado vê o Vasco como um potencial foco de investimento justamente por ter uma torcida nacional, espalhada pelos diversos cantos do país. Além disso, o fato de ter sinalizado a intenção de se tornar um clube-empresa pegou bem, mesmo que ainda exista uma oposição interna a esta transformação. Inicialmente, se fez uma projeção de uma SAF 100% da instituição. No entanto, eventuais propostas podem determinar a venda de ações. Tudo, claro, vai depender de aprovação.

Para mais notícias do Vasco da Gama, clique aqui.

facebooktwitterreddit