Futebol Internacional

Em reviravolta surpreendente, Chelsea recebe negativa de diretor que 'descobriu' Haaland

Lucas Humberto
Após acertar as bases de um acordo com o Chelsea, Freund decidiu permanecer no RB Salzburg
Após acertar as bases de um acordo com o Chelsea, Freund decidiu permanecer no RB Salzburg / David Geieregger/GettyImages
facebooktwitterreddit

Semanas depois de acertar a contratação do técnico Graham Potter, o Chelsea agora trabalha em prol de encontrar um novo diretor de futebol. Por ora, o cargo está sendo ocupado pelo proprietário Todd Boehly, que assumiu a função interinamente após a saída de Marina Granovskaia. A missão de encontrar um dirigente, no entanto, promete ser ainda mais complicada que buscar um treinador.

Christoph Freund, diretor esportivo do Red Bull Salzburg
Christoph Freund foi jogador e se aposentou em 2013 / David Geieregger/GettyImages

Nas últimas horas, a imprensa estrangeira noticiou uma aproximação dos Blues com Christoph Freund, diretor esportivo do Red Bull Salzburg, da Áustria. Ele é tido como um dos responsáveis diretos pelo "descobrimento" de Erling Haaland, além de ter auxiliado no desenvolvimento de outras estrelas do futebol europeu, como Sadio Mané, Naby Keïta e Dayot Upamecano.

A expertise do dirigente o fez ser uma peça de extremo valor no gigante austríaco. Não por acaso, desde o início do flerte entre Freund e Chelsea, o RB Salzburg mostrou resistência em se despedir do profissional, que atua no clube há sete anos. Para segurá-lo, a agremiação da Red Bull estudava fazer uma contraproposta ou até exigir uma compensação financeira pesada.

Apesar dos entraves, os londrinos conseguiram acertar as bases do acordo com o dirigente no último domingo, 18. Quando tudo parecia certo, uma última reviravolta cancelou qualquer possibilidade de acerto. Segundo informações de Fabrizio Romano, especialista nos bastidores da bola, o RB Salzburg confirmou que decidiu manter Freund em seu quadro de funcionários.

Todd Boehly, proprietário do Chelsea
Boehly avalia outras opções para o cargo de dirigente / Craig Mercer/MB Media/GettyImages

"Cheguei à conclusão de que estou em boas mãos com o FC Red Bull Salzburg e que uma mudança está fora de questão para mim", destacou Freund. Em paralelo, os Blues avaliam outras opções, incluindo Paul Mitchell, do Mônaco, Tim Steidten, do Bayer Leverkusen, e Luis Campos, do Paris Saint-Germain. Veremos qual será o desenrolar das próximas tratativas...

facebooktwitterreddit