Copa Libertadores

Em apenas oito jogos, Palmeiras iguala sua participação em Libertadores com mais gols marcados - veja números

Wéverton Rodrigues
Rony é o artilheiro do Verdão na Libertadores
Rony é o artilheiro do Verdão na Libertadores / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

Avassalador! Assim o Palmeiras pode ser definido na atual edição da Libertadores. Na noite da última quarta-feira (6), o time comandado pelo técnico Abel Ferreira aplicou nova goleada (5 a 0 sobre o Cerro Porteño) e garantiu mais uma marca histórica: em apenas oito jogos, igualou seu maior número de bolas na rede em uma edição do torneio.

Somando a fase de grupos e os dois compromissos das oitavas de final, o Verdão chegou a incríveis 33 gols. Esse é o total de tentos assinalados pela equipe na competição de 2020, quando garantiu o histórico bicampeonato. Na ocasião, claro, atingiu tal marca após 13 duelos. Nas quartas de final, o Palmeiras terá novamente o Atlético-MG pela frente, time que enfrentou na última edição da Liberta e que acabou eliminando após dois empates. Se marcar pelo menos um gol, o Alviverde chegará à marca de 34 tentos e, consequentemente, ao posto de nunca antes na história ter anotado tantos gols em uma mesma edição da Copa Libertadores.

Os maiores artilheiros do time pelo torneio em 2022 são Rony, com sete gols em sete jogos, Rafael Navarro, que marcou sete gols em oito partidas, e Raphael Veiga, que registrou seis gols em seis participações. 

Melhores ataques do Palmeiras na história da Libertadores 

2022 - 33 gols em 8 jogos

2020 - 33 gols em 13 jogos

2000 - 32 gols em 14 jogos

2021 - 29 gols em 13 jogos

2001 - 26 gols em 12 jogos

facebooktwitterreddit