Futebol brasileiro

Elogiado por Tite, Scarpa assume protagonismo em seus últimos meses de Palmeiras

Lucas Humberto
Lesão de Veiga fez de Scarpa a principal peça da criação palmeirense
Lesão de Veiga fez de Scarpa a principal peça da criação palmeirense / Pedro Vilela/GettyImages
facebooktwitterreddit

Protagonista de alguns dos momentos mais emblemáticos do Palmeiras em 2022, Raphael Veiga só deve retornar aos gramados em 2023. A ausência do meia, que se recupera de uma cirurgia, afeta a estratégia de Abel Ferreira nesta reta final de Campeonato Brasileiro. Por outro lado, abre ainda mais espaço para Gustavo Scarpa brilhar em seus últimos meses como atleta do Verdão.

"Lesão do Veiga é igual, que nos tira mais uma opção. Teremos que dar oportunidade a outros. O Scarpa continua com a gente até o final do ano. Ele foi muito correto com o clube e o clube foi correto com ele", pontuou o técnico luso em coletiva após a vitória sobre o Juventude. Scarpa, vale lembrar, acertou com o Nottingham Forest, penúltimo colocado da Premier League.

"Ele manifestou um sonho e quando tem um jogador sério e honesto que expõe sua franqueza enquanto estiver aqui, darei tudo que tenho que posso, não só com bola, mas sem bola. Estamos contentes com isso e essa oportunidade que o clube encontrou em ir buscar uma jogador como o Tabata, é já pensando numa saída do Scarpa", completou o comandante.

Veiga x Scarpa em números

Em 48 compromissos na temporada, Veiga contribuiu com 21 tentos e seis assistências. As exibições do camisa 23 auxiliaram o Verdão na conquista do Campeonato Paulista e da Recopa Sul-Americana, além da marca de melhor campanha da primeira fase da história da Copa Libertadores. Ninguém do elenco alviverde possui mais participações em gols que o artilheiro.

Scarpa cresceu mesmo a partir do sexto mês do ano, quando Veiga se lesionou. Em 47 partidas, o meia-atacante emplacou 10 gols e 14 assistências. Embora as estatísticas sejam um pouco menos expressivas se comparadas ao companheiro de setor, o camisa 14 possui entre seus trunfos o fato de ser o atleta com mais finalizações certas do plantel.

"É olharmos para dentro, ver os jogadores que podem nos ajudar nessa função de 10 e aos poucos dar oportunidades a todos. Muitas vezes os jogadores tem ido para as seleções, o meu desejo era que ninguém fosse convocado. E quem jogar no lugar desses jogadores, vai dar respostas. Porque todos somos um "

Abel Ferreira sobre Scarpa

As performances de Scarpa não caíram nas graças apenas de Abel e da torcida. Tite, em entrevista ao Bem, Amigos, teceu vários elogios ao jogador. "Sim, eu gosto muito do Scarpa. Há algum tempo atrás, perguntei sobre os bastidores do Scarpa. Ele foi convocado quando estava no Fluminense. Tem uma capacidade criativa, mobilidade. É muito bom jogador. Tem visão periférica".

Raphael Veiga e Scarpa, jogadores do Palmeiras
A dupla Veiga-Scarpa não irá acontecer mais em 2022 / PABLO PORCIUNCULA/GettyImages
facebooktwitterreddit