Futebol brasileiro

Edenilson retoma titularidade justamente no momento em que saída do Inter para 2023 começa a virar realidade

Fabio Utz
Volante será titular diante do Atlético-GO, na segunda-feira
Volante será titular diante do Atlético-GO, na segunda-feira / SILVIO AVILA/GettyImages
facebooktwitterreddit

Sem Johnny, convocado para defender a seleção dos Estados Unidos na última data Fifa antes da Copa do Mundo, Edenilson volta a ser titular do time do Inter. E isso ocorre mais de um mês depois de ele iniciar sua partida mais recente e justamente no momento em que se discute uma provável saída do Beira-Rio para 2023.

Muito embora tenha contrato com o clube gaúcho até o final de 2024, o meio-campista passou a viver uma relação de puro desgaste com a torcida principalmente após a eliminação para o Melgar, do Peru, na Copa Sul-Americana. Ele errou um pênalti e foi apontado pelas arquibancadas, ao lado de Taison, como responsável pela queda.

Edenilson Volante Inter Internacional Brasil Seleção Brasileira Contrato
Edenilson chegou à seleção brasileira vestindo a camisa do Inter / NELSON ALMEIDA/GettyImages

Por isso, tanto a direção do Inter quanto o próprio atleta já admitem, nos bastidores, a possibilidade de uma mudança de ares. A ideia é que esta decisão seja tomada de forma tranquila, sem rusgas, uma vez que se trata de um líder de vestiário e um atleta que chegou à seleção brasileira justamente vestindo a camisa vermelha. Edenilson está com 32 anos e desembarcou em Porto Alegre em 2017, ano em que o Colorado disputava a segunda divisão. Virou referência do time, mas segue marcado pela ausência de títulos e por atuações pouco convincentes (na opinião dos torcedores) em duelos decisivos.

O time, atual vice-líder do Campeonato Brasileiro, volta a campo na segunda-feira para encarar o Atlético-GO, fora de casa, pela 27ª rodada da Série A.

Para mais notícias do Internacional, clique aqui.

facebooktwitterreddit