Futebol brasileiro

Sem negócio! Empresário pede mais dinheiro e trava negociação entre Inter e Nikão

Fabio Utz
Jogador está apalavrado como o Colorado para 2022
Jogador está apalavrado como o Colorado para 2022 / ERNESTO GUZMAN JR/GettyImages
facebooktwitterreddit

Nikão vai ser jogador do Internacional? Não. Se entre jogador e clube estava tudo acordado, o empresário Paulo Pitombeira complicou a negociação.

O atleta ficou sem contrato com o Athletico-PR e aceitou uma proposta do Colorado pelas próximas quatro temporadas. Porém, o agente gostaria de receber mais pela transferência. Os números são os seguintes: o total a ser repassado ao jogador durante o período de vínculo no Beira-Rio gira em torno de R$ 40 milhões - entre salários e luvas. Isso daria algo em torno de R$ 833 mil mensais.

A Pitombeira seria pago 5% deste montante, ou seja, R$ 2 milhões, pelo agenciamento. Só que ele desejava um valor acima deste percentual, algo com o qual o Inter não concordou. Por isso, anúncio oficial ficou descartado '100%', segundo o executivo de futebol Paulo Bracks.

Para mais notícias do Internacional, clique aqui.

facebooktwitterreddit