Atlético MG

Deslanchou? Início de temporada do Atlético-MG está entre os melhores do século

Lucas Humberto
Arrancada do Galo na temporada é a segunda melhor nos anos 2000
Arrancada do Galo na temporada é a segunda melhor nos anos 2000 / YURI EDMUNDO/Getty Images
facebooktwitterreddit

Alguns inícios de temporada têm impressionado. Fortaleza, Fluminense, Athletico-PR... Todos esses times estão bem no Brasileirão e com boas condições de prosperar nos próximos meses. Contudo, poucas equipes possuem desempenho superior ao Atlético-MG neste começo de ano futebolístico: são 20 vitórias, quatro empates e somente três derrotas. Foram 50 gols marcados e apenas 14 sofridos até aqui.

Hulk Atlético-MG Cuca Libertadores Brasileirão Arrancada
Com 11 gols na conta, Hulk lidera a espetacular campanha do Atlético-MG / Pool/Getty Images

A segunda melhor performance do século XXI foi coroada com o título de campeão mineiro, além da liderança geral da fase de grupos da Libertadores, presença assegurada nas oitavas de final da Copa do Brasil e terceira colocação no Brasileirão. Nos primeiros 27 jogos da atual temporada, o Galo tem aproveitamento de 79%, conforme apuração do ge.

Ronaldinho Gaucho Atlético-MG Copa do Brasil Brasileirão Campanha Arrancada
Na campanha de 2012, o Galo foi eliminado precocemente da Copa do Brasil / LatinContent/Getty Images

Considerando as estatística desde 2001, a arrancada só não supera a campanha inicial de 2012, quando o clube de Belo Horizonte atingiu 80,2% dos pontos possíveis na mesma quantidade de partidas. À época, o Atlético-MG havia vencido os mesmos 20 duelos de agora, mas tinha perdido um jogo a menos.

Cuca Atlético-MG Brasileirão Libertadores Temporada Arrancada
Cuca comandou os dois melhores inícios de temporada do Galo no século / NORBERTO DUARTE/Getty Images

A semelhança entre as duas campanhas está na área técnica: Cuca também era o treinador daquele estrelado plantel que reunia Victor, Réver, Ronaldinho Gaúcho e companhia. Os torcedores, no entanto, esperam que essa seja a única coincidência, afinal, o Galo perdeu potência na reta final do torneio nacional e acabou ficando na vice-liderança - o Fluminense sagrou-se o grande campeão daquele ano. Para evitar nova queda de rendimento, o comandante iniciou os cálculos com antecedência: "Se ao final do campeonato você ganhar quatro pontos de cada equipe, você tem grandes chances de ser campeão. Com 66% de aproveitamento, que te dá 74, 75 pontos dos 114 que são disputados. Parece muito número? Mas estamos acostumados a pensar dessa forma", disse.

Para mais notícias do Atlético Mineiro, clique aqui.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit