Futebol Internacional

Decisivo, Mané coloca Senegal na final da Copa Africana de Nações

Matheus Nunes
Três gols e duas assistências: Mané comanda os Leões na Copa Africana
Três gols e duas assistências: Mané comanda os Leões na Copa Africana / CHARLY TRIBALLEAU/GettyImages
facebooktwitterreddit

Abdou Diallo, Idrissa Gueye e Sadio Mané balançaram a rede nesta quarta-feira (2) diante de Burkina Faso, uma das surpresas da atual edição da Copa Africana de Nações, e com isso o time comandado por Aliou Cissé igualou a melhor campanha de Senegal na história do torneio mais importante do continente ao vencer por 3 a 1 e avançar para a grande decisão.

Os gols saíram no segundo tempo. Liderados pelo atacante do Liverpool, que deixou o dele e ainda deu assistência, os senegaleses abriram logo 2 a 0. A grande surpresa da Copa Africana ainda esboçou uma reação, diminuindo o placar aos 37 minutos com Ibrahim Touré, mas então o camisa 10 dos Reds marcou o terceiro gol dele em seis jogos e sacramentou a classificação dos Leões da Teranga. O adversário sai do confronto entre Camarões e Egito, que se enfrentam nesta quinta-feira (3).

Após bater na trave na última edição da Copa - perdeu a final para a Argélia em 2019, Senegal vem forte este ano para levantar o troféu. Esta será a terceira decisão deles, que também chegaram perto da conquista em 2002, quando Camarões levou o caneco.

Senegal tem muitos nomes conhecidos do futebol europeu. Na gol o time conta com Mendy, arqueiro do Chelsea, eleito um dos melhores do mundo no FIFA The Best. A dupla de zaga é formada por Diallo, do PSG, e Koulibaly, do Napoli. Na lateral-direita, os senegaleses contam com Bouna Sarr (Bayern de Munique). No meio, a equipe tem Nampalys Mendy, do Leicester. E no ataque, Gueye, do PSG, ao lado de Mané.

facebooktwitterreddit