Futebol Internacional

De volta à Premier League? 5 vezes em que o Nottingham Forest relembrou sua grandeza nesta temporada

Lucas Humberto
Nottingham Forest relembrou toda a tradição e grandeza dos seus melhores anos em 2022
Nottingham Forest relembrou toda a tradição e grandeza dos seus melhores anos em 2022 / Laurence Griffiths/GettyImages
facebooktwitterreddit

Chegar ao topo, manter-se nele ou retornar depois da queda: qual das missões é a mais complexa? Qualquer resposta, claro, irá depender do ponto de vista e das vivências de cada um. O Nottingham Forest está próximo de ser testemunha das adversidades trazidas pelas três situações.

Principal equipe inglesa no fim da década de 70, os Reds conquistaram duas edições seguidas da Copa da Europa - antigo formato da Champions League - em 1979 e 1980. Um ano antes da primeira celebração continental, em 1978, o plantel comandado pelo lendário treinador Brian Clough levantou a taça do Campeonato Inglês.

Trevor Francis
Forest é bicampeão europeu / Getty Images/GettyImages

Mas como todas as eras precisam chegar ao fim, o Forest, que conheceu o ápice da tradição, também sentiu o amargo sabor da derrocada. Em 1999, os Reds foram rebaixados à segunda divisão. Na elite, a campanha não deixou dúvidas: sete vitórias, nove empates e 22 derrotas, com 35 gols anotados e 69 sofridos. De longe, o pior aproveitamento entre os 20 clubes.

Desde então, o time de West Bridgford nunca mais reencontrou o caminho da primeira divisão. São 23 anos longe dos holofotes do principal torneio nacional de clubes. Mas, se depender da apaixonada torcida, os melhores dias estarão de volta logo.

Neste domingo (29), o Nottingham Forest enfrenta o Huddersfield Town em duelo único que decide o playoff da Championship, a segundona dos britânicos. Quem vencer estará de volta à Premier League. Independente do resultado, os Reds relembraram toda sua grandeza durante a temporada. E aqui estão cinco provas disso.

1. Vitória contra clubes da Premier League

Lewis Grabban Arsenal Nottingham Forest Premier League FA Cup
Triunfo contra o Arsenal causou euforia generalizada / Laurence Griffiths/GettyImages

As Copas costumam ser o momento de maior democracia no futebol de clubes, afinal, a categorização em divisões desaparece. Ainda bem. Na última edição da FA Cup, o torneio mais antigo do futebol, o Nottingham Forest esbanjou tradição.

Na terceira rodada, os Reds eliminaram o Arsenal, com gol de Lewis Grabban na reta final do segundo tempo. Na etapa seguinte, o triunfo foi ainda mais emblemático: 4 a 1 diante do Leicester City, gols de Zinckernagel, Johnson, Worrall e Spence. Guarde esses nomes...

2. Fizeram frente ao Liverpool

Nottingham Forest Liverpool FA Cup Premier League
Liverpool venceu, mas precisou lutar muito / PAUL ELLIS/GettyImages

A eliminação do Forest na FA Cup aconteceu somente nas quartas de final. A queda, contudo, foi honrosa. Contra o gigante Liverpool, que tinha Alisson, Firmino, Van Dijk e outras estrelas em campo, o clube da segundona vendeu caro a derrota. Na segunda parcial, Jota marcou o único tento da partida. Segurar Klopp e comandados não é uma missão simples.

3. Históricos duelos contra o Sheffield United

Brice Samba Brennan Johnson Nottingham Forest Premier League Championship
Samba escreveu seu nome na história do clube / Visionhaus/GettyImages

Antes de aproveitar a vista, é necessário escalar. E disso o Forest entende bem. Nos playoffs da Championship, o enredo não poderia ter sido mais dramático. Na primeira semifinal, a vitória por 2 a 1 diante do Sheffield United, que atuava em casa, parecia indicar tempos tranquilos.

A expectativa caiu por terra no duelo de volta. Desta vez, foram os Reds os derrotados por 2 a 1. Tudo seria decidido nos pênaltis. Da marca do cal, brilhou a estrela do goleiro Brice Samba, que defendeu três cobranças para garantir o triunfo por 3 a 2. A mais autêntica grandeza...

4. Invasão da torcida

Nottingham Forest Sheffield United Championship Premier League
Torcida não se conteve / Michael Regan/GettyImages

Com a vitória sobre o Sheffield United, as arquibancadas do City Ground ficaram pequenas demais para acomodar tamanha euforia. A torcida foi ao campo para mostrar que nem duas décadas longe da elite foram capazes de afastar o mais fiel dos apaixonados.

5. A campanha de Brennan Johnson e James Garner

Brennan Johnson James Garner Nottingham Forest Premier League
Jovens foram pilares da heroica campanha / Michael Regan/GettyImages

Sem a competência dos seus talentos, o Forest não teria chegado tão longe. Destacam-se, entre vários grandes nomes do plantel de Steve Cooper, dois jovens de gigante potencial: Brennan Johnson e James Garner. Acredite, você irá ouvir esses nomes...

Johnson, meia-atacante de 21 anos, é o artilheiro e o atleta com mais assistências da equipe. São 16 tentos e nove passes para gol em 46 partidas da Championship. Isso sem contar as demais ações fundamentais de um clássico meia-atacante de habilidade ímpar.

Garner, por sua vez, está vinculado ao Manchester United - o volante defende os Reds por empréstimo. São quatro gols e 10 assistências em 47 compromissos. Aos 21 anos, o inglês integra a seleção da categoria. Será que Ten Hag irá utilizá-lo?


Huddersfield Town e Nottingham Forest medem forças neste domingo (29), às 12h30 de Brasília, em Wembley. Quem vencer estará na próxima edição da Premier League.

facebooktwitterreddit