Dani Alves

Dani Alves precisa se desligar do São Paulo antes de fechar com outro clube; Fla define teto salarial para o atleta

Antonio Mota
São Paulo e Daniel Alves ainda precisam acertar rescisão; no papel, camisa 10 continua ligado ao clube do Morumbi.
São Paulo e Daniel Alves ainda precisam acertar rescisão; no papel, camisa 10 continua ligado ao clube do Morumbi. / Pool/Getty Images
facebooktwitterreddit

O São Paulo e Daniel Alves se desentenderam e se separaram nos últimos dias. Porém, no papel, o Tricolor e o camisa 10 ainda estão vinculados, uma vez que o acordo selado entre o lateral-direito e o clube no ano retrasado vai até o final da próxima temporada (dezembro de 2022). Ou seja, os envolvidos precisarão costurar uma rescisão contratual.

Segundo informações do ge, o Soberano entregou o imbróglio com Dani Alves aos seus departamentos jurídico e financeiro e agora vai negociar o rompimento do vínculo com o medalhão. Além de dívida milionária, o clube paulista tem várias outras questões a tratar com o lateral-direito de 38 anos.

Dani Alves São Paulo  Mercado Flamengo
Daniel Alves e São Paulo negociarão rescisão contratual. / Pool/Getty Images

Além dos R$ 11 milhões em dívidas, o São Paulo ainda vai ter que acertar outros pagamentos com Daniel Alves. Em contrato, o clube ainda teria que pagar 16 meses de salários, dois décimos-terceiros salários e quatro parcelas trimestrais de luvas ao veterano. Ao todo, além do débito, o Tricolor teria que pagar mais cerca de R$ 20 milhões ao camisa 10.  

Há, no entanto, uma questão correndo nos bastidores: Daniel Alves não cumpriu o seu contrato e avisou por seus representantes que não iria trabalhar até receber o pagamento da dívida. Conforme o ge, os advogados do atleta e do clube podem ter interpretações diferentes dessa postura do jogador.

Nesta direção, o Tricolor e Dani Alves podem demorar para chegar a um acordo, fazendo com que o lateral-direito não consiga se inscrever em outro clube do Brasil até o próximo dia 24, quando acaba o período de inscrições para os times da Série A. Outra forma de resolver essa questão seria uma medida liminar – o lateral é quem precisa tomar essa decisão.  

Agora, conforme a fonte citada, é aguardar o que o medalhão vai fazer nas próximas semanas. Ele pode fechar acordo com alguma equipe – lembrando que ele é ventilado no Flamengo – ou ir para o litígio com o São Paulo.

Flamengo e outros mercados

Flamengo Daniel Alves
Daniel Alves no Flamengo? / Buda Mendes/Getty Images

Daniel Alves entrou em campo em apenas seis partidas neste Campeonato Brasileiro. Por isso, o lateral ainda pode atuar por outro time, como o Flamengo, na competição. As outras opções para ele seriam os Estados Unidos e o Oriente Média, uma que os mercados dos principais torneios da Europa já estão fechados.

Atento ao mercado, como revelou Marcos Braz, o Rubro-Negro Carioca teria definido um teto para fechar com Daniel Alves. Segundo o “Diário do Fla”, o clube apresentou uma oferta ao jogador e não pretende aumentar os valores propostos. A proposta do time seria de R$ 600 mil de salário por mês.

Além disso, o Mais Querido não estaria disposto a entrar em leilão ou em uma longa novela. É pegar ou largar.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit