Eurocopa

Cristiano Ronaldo brilha e quebra dois recordes históricos da Eurocopa

Lucas Humberto
Craque português ultrapassou Michel Platini
Craque português ultrapassou Michel Platini / Alex Pantling/Getty Images
facebooktwitterreddit

A estreia de Portugal na Eurocopa estava entre os eventos mais esperados pelo torcedores. Além do desejo de ver uma das melhores gerações da seleção em campo, a legião de fãs de Cristiano Ronaldo estava na expectativa para ver duas quebras de recorde: jogador com maior participações no torneio de seleções; e maior artilheiro da história da competição. O camisa 7 não decepcionou e, de uma vez só, atingiu as duas marcas.

Só de adentrar aos gramados, o craque luso já havia se tornado o único atleta com cinco participações no campeonato - anteriormente, ele marcou presença nas edições de 2004, 2008, 2012 e 2016. A questão da artilharia, no entanto, dependia de, no mínimo, um tento. Porém, ele fez dois: o primeiro de pênalti aos 42 minutos do 2º tempo, e o segundo depois de driblar o goleiro Gulacsi, já nos acréscimos. O placar de 3 a 0 conta a Hungria, favorável ao time nacional comandado por Fernando Santos ainda teve contribuição de Raphaël Guerreiro.

Agora, depois de quatro edições completas e uma em andamento, o atacante da Juventus contabilizou 11 gols e ultrapassou o francês Michel Platini, que se aposentou com nove tentos na competição - todos foram anotados na edição de 1984, que terminou com a França campeã.

Ainda sobre recordes, nesta segunda-feira (14), Lionel Messi superou Ronaldo e tornou-se o jogador com maior número de gols de falta em atividade. O argentino marcou contra o Chile, na Copa América, e chegou a incrível marca de 57 cobranças convertidas, enquanto o português possui 56. Será que vem mais uma disputa pessoal por aí?

Eurocopa Cristiano Ronaldo Hungria Recorde Lionel Messi
Cristiano Ronaldo marcou duas vezes na estreia de Portugal na Eurocopa. / ALEX PANTLING/Getty Images
facebooktwitterreddit