Futebol brasileiro

Corinthians goleia em Itaquera e atinge quatro marcas históricas - veja os números

Bia Palumbo
Paulinho anotou o segundo gol do Corinthians sobre a Ponte Preta
Paulinho anotou o segundo gol do Corinthians sobre a Ponte Preta / Vinicius Nunes/Agência F8/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

Anunciado há 20 dias, o português Vítor Pereira estreou como técnico do Corinthians na Neo Química Arena neste sábado (12) e o torcedor que esteve em Itaquera teve diversos motivos para sorrir.

O primeiro é o resultado: vitória com placar elástico e sem sofrer gols, um 5 a 0 que empolgou pela atuação coletiva e também individual de alguns jogadores. Renato Augusto abriu o placar, Paulinho e Gustavo Mosquito ampliaram ainda no primeiro tempo, Adson e Gustavo Mantuan fecharam a conta. Além disso, os três pontos representam quatro feitos históricos, como você confere a seguir:

  1. primeira vitória com Vítor Pereira no comando técnico - ele estreou na derrota para o São Paulo por 1 a 0;
  2. recorde de público e renda do Corinthians em 2022 ( 39.488 pagantes, com R$ 2.384.518,00 de renda)
  3. vitória por cinco gols de diferença pela primeira vez desde maio de 2021, quando enfrentou o Sport Huancayo (Peru). Na ocasião, Gustavo Mosquito (2), Gil, Luan e Mateus Vital foram às redes e o time era comandado pelo então interino Fernando Lázaro. Depois dele veio Sylvinho, que comandou a equipe em 43 jogos e em momento algum ela conseguiu marcar mais do que três gols;
  4. primeiro gol de Mantuan na Neo Química Arena

Os destaques do Corinthians

1. Cantillo

2. Fagner

Além dos números acima, o lateral ainda teve participação direta para o time sair de campo sem ser vazado porque tirou uma bola em cima da linha - uma finalização de Pedro Junior quando o placar apontava 4 a 0.

3. Paulinho

Com o gol marcado nesta noite ele tornou-se o principal goleador do time na temporada, ultrapassando o lateral-esquerdo Fábio Santos, o batedor oficial de pênaltis, e o atacante Róger Guedes.

4. Adson

O goiano de 21 anos formado na base alvinegra chegou a quatro gols como profissional, o primeiro dele em 2022

5. Gustavo Mantuan


Nascido em Santo André, no ABC paulista, ele também é cria da base e completa 21 anos em junho. O camisa 31 saiu do banco aos 31 do segundo tempo, ou seja, jogou menos de 20 minutos, tempo suficiente para quebrar o próprio jejum de gols que durava mais de um ano - o último dele tinha sido em outubro de 2020, contra o Vasco, pelo Brasileirão. O lance aconteceu praticamente no último lance do jogo, quando a Ponte Preta estava com um jogador a menos, visto que o lateral-direito Kevin foi expulso por cometer falta dura em Willian.

O Corinthians volta a campo na quinta-feira (17) para jogar o clássico diante do Palmeiras no Allianz Parque, em partida atrasada válida pela 6ª rodada do Paulistão.

facebooktwitterreddit