Futebol brasileiro

Copeiro? O retrospecto do Atlético-GO em mata-mata na temporada 2022

Lucas Humberto
De olho na decisão em Córdoba, Atlético-GO defende boa vantagem da ida
De olho na decisão em Córdoba, Atlético-GO defende boa vantagem da ida / EVARISTO SA/GettyImages
facebooktwitterreddit

A reputação copeira do Atlético-GO passará por uma grande provação nesta quinta-feira (8). A partir das 21h30 (de Brasília), o Dragão irá buscar manter - ou até ampliar - a expressiva vantagem de 3 a 1 construída na partida de ida da semifinal da Copa Sul-Americana sobre o São Paulo. A volta acontece no Morumbi.

De olho na decisão em Córdoba, na Argentina, os goianienses esperam manter o bom desempenho nos duelos eliminatórios das Copas, mais precisamente da Sul-Americana. Na Copa do Brasil, as lembranças dos gramados da capital paulista não são tão boas. Porém antes de chegar no revés ante o Corinthians, houve a remontada no clássico local.

São Paulo e Atlético-GO se enfrentam pela semifinal da Copa Sul-Americana
Dragão busca decisão histórica / Andressa Anholete/GettyImages

Em casa, o empate sem gols válido pela ida das oitavas de final contra o Goiás teve gosto amargo, mas passou rápido. Na volta, o Dragão aplicou um sonoro 3 a 0 e carimbou a vaga à próxima etapa. Nas quartas, o time se fez valer do mando e venceu o Corinthians por 2 a 0. Acontece que, na Neo Química Arena, a vitória do Timão por 4 a 1 encerrou de vez o sonho dos visitantes.

O Atlético-GO em mata-mata na Copa do Brasil

  • 4 partidas (duas vitórias, um empate e uma derrota)
  • 6 gols anotados
  • 4 gols sofridos

A situação no âmbito continental é ainda melhor. Nas oitavas da Sul-Americana, o clube impôs uma remontada nas penalidades máximas depois de sair perdendo na ida para o Olimpia, por 2 a 0. Nas quartas, dois contundentes triunfos sobre o Nacional de Luis Suárez resultaram em uma parcial agradada de 4 a 0.

Tudo isso nos trouxe até esta quinta. No Antônio Accioly, o Atlético-GO contou com gols de Jorginho, Shaylon e Léo Pereira para aplicar 3 a 1 e largar em vantagem na semifinal. Luciano descontou para o São Paulo. Se o agregado será suficiente para segurar a pressão do Morumbi, ainda é cedo para dizer. Mas é inegável que o retrospecto é positivo...

O Atlético-GO em mata-mata na Copa Sul-Americana

  • 5 partidas (quatro vitórias e uma derrota)
  • 9 gols anotados
  • 3 gols sofridos
facebooktwitterreddit