Copa do Brasil

Copa do Brasil: 6 coadjuvantes que podem decidir Flamengo x Atlético-MG

Antonio Mota
Rodinei perdeu confiança após marcar gol contra no último final de semana; nada melhor do que um clássico decisivo para dar a volta por cima
Rodinei perdeu confiança após marcar gol contra no último final de semana; nada melhor do que um clássico decisivo para dar a volta por cima / Getty Images/GettyImages
facebooktwitterreddit

Flamengo e Atlético-MG disputam o segundo e último jogo das oitavas de final da Copa do Brasil nesta noite (13). Após tensa batalha no Mineirão, vencida pelo time da casa (2 a 1), o Rubro-Negro e o Galo vão para o tudo ou nada e não pouparão esforços no confronto final pela classificação. Qual equipe ficará com a vaga? É decisão e tudo pode acontecer.

Para aquecer esse clássico do futebol brasileiro, o 90min traz alguns nomes nem tão badalados, mas que podem fazer a diferença no Maracanã.

1. Santos – Flamengo

Santos quer fazer milagres no Flamengo.
Santos é o novo paredão do Flamengo. / Buda Mendes/GettyImages

O goleiro chegou ao Flamengo nesta temporada e ainda busca uma partida para se firmar de maneira definitiva na meta do clube. Em noite inspirada, o goleiro pode fechar o gol rubro-negro diante do Atlético-MG e ainda fazer a diferença em uma eventual disputa na marca da cal, já que também se destaca por ser um “pegador de pênaltis”. É uma boa chance de o arqueiro se tornar um protagonista no Fla.

2. Éverson – Atlético-MG

Éverson participou de conquistas importantes do Galo nos últimos tempos.
Goleiro tem no currículo convocações para a Seleção Brasileira / Buda Mendes/GettyImages

O camisa 22 não é bem um coadjuvante no Atlético-MG, mas, ainda assim, pode figurar nesta lista por estar atrás de Hulk, Nacho e outros nomes no ranking de protagonistas da equipe. O goleiro é referência no Galo e pode ser peça-chave do time mineiro no Maracanã.

3. Rodinei – Flamengo

Rodinei, lateral do Flamengo em 2022
Contestado no Fla, lateral pode fazer jogo número 200 pelo rubro-negro / Silvio Avila/GettyImages

Rodinei vive de altos e baixos na carreira. Na última semana, por exemplo, o lateral-direito brilhou na Libertadores, tanto que teria sido elogiado pelo novo reforço do Fla, o chileno Arturo Vidal. Poucos dias depois, fez um gol contra que definiu a derrota para o Corinthians. Hoje, se estiver bem, pode ser um diferencial para o time de Dorival Jr.

4. Eduardo Sasha – Atlético-MG

Eduardo Sasha, atacante do Atlético-MG
Mesmo reserva, Sasha já marcou 12 gols em 2022 / Pedro Vilela/GettyImages

O centroavante é um “reserva de luxo” no Galo. Apesar de ser reserva, o atacante é o vice-artilheiro da equipe e não costuma desperdiçar oportunidades. É um nome para a defesa do Fla ficar de olho.

5. Lázaro – Flamengo

Lázaro, atacante do Flamengo
Polivalente, camisa 13 já atuou como ala, meio-campista e ponta no Fla / Marcelo Hernandez/GettyImages

A Massa Atleticana sabe muito bem quem é Lázaro. Grande joia do Flamengo, o versátil meia-atacante aproveitou chance no Mineirão e deixou o clube vivo no confronto. O gol não evitou o revés em BH, mas renovou a esperança do clube carioca. Será que o garoto do Ninho vai guardar mais um?

6. Mariano – Atlético-MG

Mariano, lateral-direito do Atlético-MG
Experiência é uma das virtudes do lateral do Galo / Pedro Vilela/GettyImages

Outro personagem importante na estrutura do Atlético-MG tem 36 anos, passagem pelo futebol europeu e mantém uma regularidade pois defende muito bem e ainda contribui no ataque. Em encontro recente com o Flamengo, por exemplo, o medalhão anulou Vitinho.

facebooktwitterreddit