Copa Libertadores

Comemoração enlouquecida de Abel Ferreira viraliza nas redes; torcida do Palmeiras 'se rende'

Nathália Almeida
Abel Ferreira está em mais uma final de Libertadores
Abel Ferreira está em mais uma final de Libertadores / WASHINGTON ALVES/Getty Images
facebooktwitterreddit

Chegar a uma final de Conmebol Libertadores já é difícil... Agora, conseguir emplacar duas finais consecutivas em menos de um ano completo (12 meses) de trabalho é algo lendário. Na noite desta terça-feira (28), Abel Ferreira voltou a fazer história na área técnica do Palmeiras, conduzindo o Verdão, atual campeão da América, a mais uma final continental em sua existência.

A segunda semifinal contra o Atlético-MG foi dramática, suada e sofrida para o Palmeiras, que voltou a abrir mão de ter a bola e apostou nos contra-ataques em velocidade, ora com Rony, ora com Dudu. Convicto em suas ideias de jogo, Abel Ferreira não mudou o esquema tático de sua equipe mesmo quando o Galo abriu o placar do jogo, com Eduardo Vargas. E foi recompensado por confiar em seu plano de jogo, vendo Gabriel Veron, com menos de dois minutos em campo, criar a jogada que gerou o gol de empate de Dudu.

Após o apito final, o técnico luso comemorou enlouquecidamente em direção às câmeras, proferindo palavras de desabafo. As imagens rapidamente viralizaram nas redes, com os torcedores alviverdes, enfim, voltando a fazer as pazes com o comandante.

Bicampeão da Conmebol Libertadores, o Palmeiras vai em busca do tricampeonato no dia 27 de novembro, contra o vencedor do confronto entre Barcelona-EQU e Flamengo. O Rubro-Negro venceu o jogo de ida no Maracanã por 2 a 0. Vale lembrar que a grande final do torneio continental será disputada no Estádio Centenário, em Montevidéu (URU).

facebooktwitterreddit