Com Zaracho, Galo se aproxima dos R$ 180 milhões investidos em contratações em 2020

Oct 18, 2020, 10:48 AM GMT-3
OLY-FBL-U23-VEN-ARG
OLY-FBL-U23-VEN-ARG | JUAN BARRETO/Getty Images
facebooktwitterreddit

Após várias contratações e muito dinheiro investido, o Atlético-MG segue no mercado e de mãos abertas para montar o plantel idealizado por Jorge Sampaoli. A ideia é fazer ao máximo para seguir na ponta do Campeonato Brasileiro. Sem “poupar esforços”, o Alvinegro Mineiro se aproxima dos R$ 180 milhões empregados em contratações na temporada.  

De acordo com informações do SuperEsportes, após anunciar a contratação de Matías Zaracho, ex-Racing, da Argentina, por 6 milhões de dólares (cerca de R$ 33,7 milhões), o Galo chegou aos R$ 178,3 milhões investidos em reforços em 2020. E a expectativa é que este montante fique ainda maior: o time segue de olho no mercado.

Além do valor acertado pela compra do meio-campista argentino, que se tornou a maior compra da história do clube, o Atlético de Sampaoli já desembolsou: R$ 20 milhões por Marrony, ex-Vasco, R$ 18 milhões por Junior Alonso, ex-Lille (FRA), R$ 12,6 milhões por Alan Franco, ex-Independiente del Valle (EQU) e muito mais.

Recentemente, o treinador comentou sobre a necessidade de o Alvinegro Mineiro continuar em busca de reforços e se mostrou mais satisfeito com o atual plantel. “Hoje, devo seguir trabalhando com estes jogadores. Se vem algum que possa somar, muito melhor”.

DAS NEGOCIAÇÕES

Vale lembrar que o Atlético-MG conta com o apoio do mecenas Rubens Menin, dono da Construtora MRV, para fazer suas contratações. Os tramites funcionam da seguinte maneira: o clube recebe o dinheiro por empréstimo e faz uma determinada contratação, depois, caso venda este atleta no futuro, devolve o dinheiro (sem juros) e fica com um eventual ‘extra’. Até o momento, o empresário emprestou cerca de R$ 165 milhões ao Galo, notando que o time investiu pouco menos de R$ 180 milhões em contratações em 2020 – valor corresponde a 46% do orçamento de R$ 388 milhões da equipe para o ano.  

Além das entradas, o Atlético também negociou muitas saídas nesta temporada, incluindo: Patric, Lucas Hernández, Iago Maidana, Otero, Cazares, Ricardo Oliveira e Di Santo, além de Cleiton e Chará.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique ​aqui.

facebooktwitterreddit