Real Madrid

Com dois brasileiros, jornal inglês lista 7 contratações que 'fracassaram' no Real Madrid

Nathália Almeida
Mar 26, 2021, 2:12 PM GMT-3
Danilo hoje defende a Juventus
Danilo hoje defende a Juventus | Lintao Zhang/Getty Images
facebooktwitterreddit

O Real Madrid é um clube comprador e, por isso, tender a errar mais do que acertar no mercado de transferências por conta do volume de chegadas oficializadas a cada nova janela.

Ao longo dos últimos anos, não foram poucas as contratações bizarras formalizadas pelo gigante espanhol. Prova disso é que nós, do 90min, conseguimos elencar as 50 piores contratações da história do clube neste artigo.

Nesta sexta-feira (26), os erros de mercado dos Blancos foi assunto no 'The Sun', que montou uma lista mais modesta com 7 contratações que fracassaram na capital espanhola. Como destaca o UOL Esportes, chamou atenção a presença de dois brasileiros na relação do jornal britânico. Confira os nomes selecionados pelos ingleses:

1. Kaká

Ricardo Kaka, Real Madrid
Kaká foi contratado no mesmo verão que Cristiano Ronaldo | Massimo Cebrelli/Getty Images

Contratado pelo Real na mesma janela de transferências que levou Cristiano Ronaldo e Karim Benzema à Madrid, Kaká custou caro aos cofres merengues, mas não conseguiu repetir por lá os grandes anos dos tempos de Milan. As lesões e a concorrência impediram que o brasileiro se provasse com a camisa branca.

2. Antonio Cassano

Antonio Cassano, Real Madrid
Cassano tinha potencial, mas nunca explodiu como esperavam | PIERRE-PHILIPPE MARCOU/Getty Images

Após viver o auge de sua carreira no início dos anos 2000 com a camisa da Roma, o irreverente atacante italiano entrou no radar do Real Madrid e teve sua contratação selada em 2006. Na Espanha, Cassano não conseguiu se adaptar ao novo clube, acumulou contusões e problemas extracampo, com direito a insultos públicos ao técnico Fabio Capello.

3. Jonathan Woodgate

Jonathan Woodgate, Real Madrid
Woodgate atuou no Real entre 2004 e 2006 | Denis Doyle/Getty Images

Revelado pelo Leeds United, o atacante inglês foi contratado pelo Real Madrid em 2004, após estourar com a camisa do Newcastle na temporada anterior. Não fez nenhuma partida em sua primeira temporada no clube por conta de uma lesão, e quando estreou oficialmente, fez um gol contra e foi expulso. Acabou sendo negociado em 2006 ao Middlesbrough.

4. Wesley Sneijder

Wesley Sneijder, Real Madrid
Holandês foi um dos melhores do mundo em 2010, pós-Real | Etsuo Hara/Getty Images

O armador holandês brilhou em seus primeiros anos como profissional defendendo a camisa do Ajax, seu clube formador. O Real logo 'cresceu o olho' pelo habilidoso meia e fechou sua contratação, mas não obteve dele o retorno esperado. Passou longe de brilhar em seus dois anos na Espanha, mas logo em sua primeira temporada pós-Real, com a Inter de Milão, esteve entre os melhores jogadores do mundo.

5. Luka Jovic

Luka Jovic, Real Madrid
Real pagou caríssimo pelo sérvio, que já voltou à Alemanha | Quality Sport Images/Getty Images

Uma temporada espetacular pelo Eintracht Frankfurt colocou o jovem centroavante sérvio no radar de gigantes do futebol mundial, mas só o Real Madrid se mostrou disposto a pagar 63 milhões de euros para tirá-lo da Alemanha. O peso da camisa merengue, no entanto, parece ter sido muito grande para ele: apenas dois gols e duas assistências em 32 jogos. Hoje, tenta 'recomeçar' com a camisa do próprio Eintracht, via empréstimo.

6. Danilo

Danilo, Real Madrid
Danilo não convenceu vestindo a camisa merengue | Denis Doyle/Getty Images

Comprado pelo Real junto ao Porto em meados de 2015, Danilo chegou à capital espanhola cercado de expectativas. Nos bastidores do clube, havia esperança de que o brasileiro seria o 'novo Daniel Alves'. Dois anos depois, estava sendo negociado em definitivo ao Manchester City. Nunca estourou com a camisa merengue.

7. Eden Hazard

Eden Hazard, Real Madrid
Hazard já é a maior decepção do Real nos últimos anos? | Soccrates Images/Getty Images

Os mais de 100 milhões de euros investidos pelo Real Madrid para tirar o meia-atacante belga do Chelsea colocavam uma pressão extra sob seus ombros, mas a grande maioria dos torcedores imaginava que Hazard tiraria 'de letra' a transição para um novo clube, por seu talento e por sua experiência. As lesões, no entanto, têm minado completamente a sua passagem pela Espanha.

facebooktwitterreddit