After90

Clubes e colegas de profissão lamentam morte de narrador Paulo Stein, vítima da Covid-19

Nathália Almeida
Mar 27, 2021, 4:40 PM GMT-3
Narrador Paulo Stein faleceu aos 73 anos
Narrador Paulo Stein faleceu aos 73 anos | James Williamson - AMA/Getty Images
facebooktwitterreddit

Neste país em que estamos vivendo mais de 3 mil lutos por dia em virtude da Covid-19, o sábado (27) foi de lamentação para os apaixonados por futebol, jornalistas e cronistas esportivos: aos 73 anos de idade, faleceu Paulo Stein, um dos grandes narradores esportivos do Brasil.

Internado com a Covid-19 desde a última quarta-feira (24) no Hospital Estadual de Anchieta, no Rio de Janeiro, Paulo Stein acabou não resistindo às complicações da doença, falecendo na manhã deste sábado (27).

Em entrevista concedida ao 'O Globo', Nathasha, filha de Paulo Stein, detalhou o agravamento repentino do quadro do pai nos últimos dias: "Há alguns dias, ele já vinha me dizendo que estava com uma gripe. Nunca acreditei, mas ele era bravo. Fazia o que queria. Segunda foi meu aniversário e ele estava com a voz péssima. Insistimos para ele ir ao hospital e ele resistiu. À noite, estava com a voz até melhor, mas, quando foi para o hospital, na quarta, estava com a voz péssima. Acho que ele não esperava ser internado. Na cabeça dele, ia precisar só de oxigênio, mas acabou ficando", disse.

Nascido no Rio de Janeiro, Paulo Stein construiu uma grande e longeva carreira como comunicador, com mais de 50 anos de trajetória no jornalismo esportivo. Como destaca o UOL Esportes, sua primeira experiência na área foi no Jornal dos Sports, ainda nos anos 60. No rádio e na TV, trabalhou em diversas emissoras: Tupi, Nacional, TV Bandeirantes, Rede Manchete, Record, TVE Brasil, ESPN e Grupo Globo, atuando nos canais fechados SporTV e Premiere entre 2011 e 2019. Além de cobrir esportes, Stein também se destacou na cobertura do carnaval, uma de suas paixões.

Nas redes sociais, clubes e colegas de profissão lamentaram o falecimento de Stein:

Neste momento tão doloroso e de tantas perdas, o 90min deseja força aos familiares e amigos de Paulo Stein e de todas as outras vítimas fatais da Covid-19, reforçando o pedido: se cuidem e cuidem dos seus. E, se possível, fique em casa.

facebooktwitterreddit