Futebol brasileiro

CBF procurou Xavi Hernández para ser auxiliar de Tite na Seleção Brasileira, crava jornal

Nathália Almeida
Xavi foi procurado pela CBF, mas recusou convite
Xavi foi procurado pela CBF, mas recusou convite / Eurasia Sport Images/Getty Images
facebooktwitterreddit

Ter um estrangeiro comandando a Seleção Brasileira é algo que muitos torcedores desejam, mas que muitos consideram improvável por conta das estruturas e ideias conservadoras enraizadas nos bastidores do nosso futebol.

Contudo, uma notícia publicada pelo jornal 'As' na noite desta terça-feira (18) gerou enorme surpresa nas redes sociais tupiniquins: de acordo a fonte citada, a Confederação Brasileira de Futebol abriu contato com o técnico Xavi Hernández, atualmente no Al-Sadd, oferecendo a ele o cargo de auxiliar de Tite na Canarinho.

xavi hernandez
Xavi é o atual comandante do Al Sadd / Simon Holmes/Getty Images

O plano da principal entidade do futebol nacional era manter Xavi como assistente de Tite até o desfecho da Copa do Mundo de 2022 e, então, passar o bastão do comando da Seleção Brasileira para o técnico espanhol. A CBF chegou a fazer uma oferta oficial para o profissional, mas esta foi prontamente recusada, por conta dos planos a médio/longo prazo de Xavi: renovou seu contrato com o Al-Sadd recentemente e tem o Barcelona, clube onde é ídolo, como sua grande ambição.

facebooktwitterreddit