CBF já tem aval do governo brasileiro para protocolo de retomada das competições nacionais; entenda

Flamengo v Ceara - Brasileirao Series A 2019
Wagner Meier/Getty Images

Se depender do Ministério da Saúde, a CBF já tem aval para a retomada das competições em nível nacional no país mesmo em meio à pandemia do coronavírus. A entidade que comanda o futebol nacional elaborou um protocolo de 30 páginas que foi aprovado pelas autoridades do governo federal. No entanto, a decisão de liberar ou não a prática esportivo cabe às administrações estaduais e municipais.

FBL-COSTA RICA-VIRUS-HEALTH-TRAINING
EZEQUIEL BECERRA/Getty Images

O blog do Rodrigo Mattos, no Uol Esporte, destaca que a CBF tem a ciência de que, mesmo com ok do poder público nacional, a volta da Copa do Brasil e o início do Campeonato Brasileiro ainda estão distantes. "Quem falar em data vai errar", resumiu Jorge Pagura, chefe do departamento médico da entidade. Haverá uma limite de 40 pessoas por delegação e procedimentos detalhados para chegada e permanência nos estádios, além de quantidade determinada de profissionais presentes nos vestiários.

Newcastle United v Sheffield United - Premier League
Michael Regan/Getty Images

Também já está definido que quem não estiver jogando terá que usar máscaras. Além disso, cuspe em campo, conforme sugestão do ministério, não será aceito em hipótese alguma. Existe ainda uma preocupação para evitar aglomerações de torcedores fora dos estádios enquanto não estiver permitida a presença de público. Pelo protocolo, testes de Covid-19 antes das partidas não serão exigidos, mas a CBF vai bancar a análise de PCR no início das disputas e, com o andar da carruagem, também estará acompanhando a questão dos anticorpos em determinados momentos. "Diria para você que todos vão fazer testes de entrada de PCR. A CBF vai fazer os testes iniciais. Depois, faremos testes epidemiológicos em torno de 30% a 40% dos jogos para ter uma noção. Não é viável fazer teste molecular em todas as rodadas. Teria de isolar todo mundo. É inviável.Se for constatado um jogador infectado, afasta só ele", completou Padura.

Quer saber como se prevenir do coronavírus? #FiqueEmCasa e clique aqui.