Brasileirao Série A

Que noite, Cano! Gringo interrompe 'seca', garante vitória do Fluminense e volta a ser artilheiro do Brasileirão

Fabio Utz
Argentino balançou a rede do Fortaleza em duas oportunidades
Argentino balançou a rede do Fortaleza em duas oportunidades / Andre Borges/GettyImages
facebooktwitterreddit

Somando Campeonato Brasileiro e Copa do Brasil, Germán Cano ficou quatro jogos sem ir às redes. Pois o jejum acabou e, de quebra, o centroavante foi a principal arma para o Fluminense ganhar do Fortaleza por 2 a 1 e, ao menos momentaneamente, assumir o terceiro lugar da Série A.

O Tricolor já acumulava três partidas sem vitória, e a vontade de retomar a sequência positiva era muito grande. Os primeiros movimentos indicaram uma partida ‘maluca’, lá e cá, com jogador evitando o pior em cima da linha para ambos os lados. Porém, não demorou muito para o argentino mostrar que estava disposto a recuperar o bom momento - individual e do time. Aos 11 minutos, de fora da área, acertou um belo chute no ângulo (desviado, é verdade) para abrir o placar depois de receber assistência de Paulo Henrique Ganso.

Já na etapa final, o gringo não se intimidou com o empate do rival, através de Thiago Galhardo, e precisou de mais cinco minutos para, aos 11, balançar a rede novamente, dessa vez aproveitando rebote de um arremate de Caio Paulista que acertou a trave. Nada mais aconteceu, talvez até como uma forma de homenagem a Cano, artilheiro do Brasil em 2022 - são 33 gols em 57 partidas - e novamente líder na lista dos principais marcadores da Série A. Com 15 tentos, ultrapassou Pedro Raul, do Goiás, que tem 14. Que noite, Cano!

Leia mais:

Notícias do Fluminense

Notícias do Fortaleza

Notícias do Brasileirão

facebooktwitterreddit