Brasileirao Série A

6 campeões nacionais como jogador que estão trabalhando na Série A do Brasileirão

Bia Palumbo
Juan pendurou as chuteiras logo após ser campeão pelo Flamengo em 2019
Juan pendurou as chuteiras logo após ser campeão pelo Flamengo em 2019 / Buda Mendes/GettyImages
facebooktwitterreddit

O Santos anunciou nesta semana a contratação do ex-jogador Giovanni para ser auxiliar pontual de Marcelo Fernandes, interino que assume o time após a demissão do argentino Fabián Bustos.

O novo integrante da comissão técnica do Peixe estava no elenco campeão da Copa do Brasil em 2010, então o 90min fez um levantamento de outros personagens marcantes que levantaram uma taça em nível nacional no país (Brasileirão ou Copa do Brasil) e depois voltaram ao mundo do futebol para exercer uma função fora das quatro linhas.

1. Giovanni

Craque do campeonato no vice-campeonato brasileiro em 1995, ele ganhou a famosa Bola de Ouro da Revista Placar e chamou atenção do Barcelona, que o contratou logo depois. Lá foi campeão da Copa do Rei, LaLiga e virou um dos notáveis do Barça no final da década de 90. Depois voltou ao clube onde é ídolo e participou da campanha de 2010 ao lado de Neymar, Ganso e cia.

2. Rogério Ceni

Tricampeão do Campeonato Brasileiro entre 2006 e 2008, o ex-goleiro atualmente comanda o time profissional do São Paulo pela segunda vez na carreira e ainda busca o primeiro título como treinador do clube onde é ídolo.

3. Juan

Zagueiro atuou em duas partidas na campanha inesquecível do Brasileirão de 2019, sob comando de Jorge Jesus, atualmente é conhecido como Juan Santos e trabalha como gerente técnico no clube da Gávea.

4. Mauro da Silva

Conhecido no clube como Mauro Van Basten, ele é observador técnico da comissão permanente do Corinthians e trabalha no Alvinegro do Parque São Jorge desde 2007. Ele integrou o elenco que levantou a taça do Campeonato Brasileiro de 1990.

5. Ailton Ferraz

Auxiliar técnico do Fluminense na comissão de Fernando Diniz, ele foi campeão brasileiro em 1996, quando estava no Grêmio, o mesmo elenco que tinha Arce, Mauro Galvão, Paulo Nunes e o atual treinador do clube gaúcho Roger Machado. Ele também era uma das peças que atuou no Flamengo campeão da Copa do Brasil em 1990.

6. Jorginho

Jorginho, técnico do Atlético-GO
Ele era o lateral-direito titular tetracampeão do mundo com a Seleção Brasileira em 1994 / Buda Mendes/GettyImages

O atual técnico do Atlético-GO levantou dois títulos do Campeonato Brasileiro quando era lateral-direito: em 1987, no Flamengo, e a Taça João Havelange em 2000, quando defendeu o Vasco que tinha Euller, Juninho Paulista, Juninho Pernambucano, Romário, dentre outros. Anos depois, em 2013, iniciou na área técnica a campanha vitoriosa do rubro-negro carioca na Copa do Brasil.

facebooktwitterreddit