Corinthians

Caiu! Sylvinho é demitido após derrota do Corinthians no clássico

Bia Palumbo
Técnico ganhou 16 dos 43 jogos em que comandou o Corinthians
Técnico ganhou 16 dos 43 jogos em que comandou o Corinthians / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

A Diretoria do Corinthians optou por encerrar o ciclo de Sylvinho no comando técnico após o time perder por 2 a 1 para o Santos na Neo Química Arena, em São Paulo. Ele estava no clube desde maio de 2021, quando foi contratado para substituir Vagner Mancini. No total foram 43 jogos, sendo 16 vitórias, 14 empates e 13 derrotas.

"Boa noite a todos, em especial para a Fiel torcida. Após o jogo eu e a diretoria de futebol nos reunimos no vestiário e entendemos ser o momento de interromper o trabalho com o nosso treinador e o momento de fazermos uma correção de rota. Vim aqui para comunicá-los e aproveito para agradecer todo o empenho do Sylvinho, todo o trabalho e dedicação ao Corinthians e de toda a sua comissão. Amanhã nos reuniremos novamente para decidir os próximos passos", declarou o presidente do clube, Duilio Monteiro Alves, em entrevista coletiva.

Contestado pela torcida desde a contratação, o ex-lateral-esquerdo ganhou moral ao classificar o time para a fase de grupos da Libertadores 2022, mas não resistiu ao segundo tropeço na temporada que iniciou com empate diante da Ferroviária e ainda teve vitória por 1 a 0 sobre o Santo André no último final de semana. Portanto, até agora foram apenas dois gols marcados em três partidas.

Esta foi a segunda vez em 15 jogos que o Alvinegro Praiano ganhou em Itaquera e além de quebrar um tabu de sete anos sem vencer o rival no estádio dele, o time deixou para trás um princípio de crise que se instalou após o início ruim no Campeonato Paulista. O Peixe sequer marcou gols nas primeiras duas rodadas e desta vez Marcos Leonardo foi o carrasco da Fiel. Ele balançou a rede duas vezes e descontou para o Timão.

facebooktwitterreddit