Premier League

Brilho de Thiago Silva não impede derrota do Chelsea em clássico londrino

Lucas Humberto
West Ham, jogando em casa, derrotou o rival por 3 a 2
West Ham, jogando em casa, derrotou o rival por 3 a 2 / Alex Pantling/GettyImages
facebooktwitterreddit

Resultado digno de um clássico londrino de G-4 da Premier League. Na manhã deste sábado (04), West Ham e Chelsea protagonizaram um verdadeiro espetáculo no Estádio Olímpico de Londres. A partida, marcada pela alternância de poderes e leve domínio estatístico dos Blues, terminou em 3 a 2 favorável aos Hammers, gols de Manuel Lanzini, Jarrod Bowen e Arthur Masuaku para os donos da casa, enquanto Thiago Silva e Mason Mount anotaram pelo time visitante.

Thiago Silva Chelsea West Ham Premier League
Defensor brasileiro teve grande atuação / GLYN KIRK/GettyImages

Aliás, por falar em Thiago Silva, o zagueiro brasileiro teve grande atuação, mas não conseguiu impedir David Moyes e seus comandados de saírem com três pontos na conta. Aos 28 minutos da primeira parcial, o camisa 6 anotou. Cerca de um minuto mais tarde, ele salvou um gol em cima da linha. Acontece que, para além da onipresença defensiva de Declan Rice, os Blues viram um cruzamento despretensioso de Masuaku parar no fundo da rede de Mendy.

Edouard Mendy Chelsea West Ham Premier League Masuaku
Cruzamento aparentemente despretensioso de Masuaku encontrou as redes de Mendy / Alex Pantling/GettyImages

Outro destaque familiar ao West Ham foi Lanzini. Convertendo um pênalti, o argentino reforçou seu status de definidor em clássicos. Segundo dados do OptaJoe, 48% dos 23 tentos do camisa 10 na Premier League foram marcados em dérbis londrinos. Ele costuma crescer em grandes duelos. Com o resultado, os Hammers se consolidam no G-4 e puxaram o rival da liderança.

facebooktwitterreddit