Brasileirao Série A

Com Mendoza inspirado, Ceará derruba Palmeiras em pleno Allianz Parque

Bia Palumbo
Ceará derruba o Palmeiras em noite inspirada de Mendoza
Ceará derruba o Palmeiras em noite inspirada de Mendoza / Alexandre Schneider/GettyImages
facebooktwitterreddit

Comandado por Dorival Jr, o Ceará entrou com tudo para encarar o Palmeiras neste sábado (9) no Brasileirão e o ritmo alucinante desde o primeiro tempo foi decisivo para estrear no campeonato com vitória fora de casa, em pleno Allianz Parque, por 3 a 2. Camisa 10 do alvinegro, Mendoza criou a jogada que abriu o placar, um gol contra do lateral-esquerdo Jorge, e sete minutos mais tarde ampliou a vantagem.

Por outro lado, o time de Abel Ferreira pareceu sentir o desgaste físico da maratona de três jogos em uma semana, mas conseguiu diminuir com Zé Rafael aos 22. O técnico fez duas mudanças durante o intervalo, na tentativa de renovar o gás da equipe, porém faltou pontaria para Rafael Navarro virar. Erick também foi acionado no Alvinegro de Porangabuçu e quase marcou um golaço, mas Weverton salvou o alviverde.

Na reta final o técnico português ainda colocou mais dois jovens atacantes em campo (Giovani e Gabriel Veron), no entanto foi o time cearense que conseguiu ir à rede. Em mais uma jogada de Mendoza, ele tocou para Erick e Lucas Ribeiro completou. Ainda deu tempo de Gustavo Gómez converter um pênalti após Veron ser derrubado na área. A partir daí houve uma confusão generalizada nos bancos de reservas no qual o árbitro Caio Max Augusto Vieira controlou distribuindo cartões amarelos (Iury Castilho e Nino Paraíba, do Ceará, e Danilo, do Palmeiras) e a expulsão de Vina.

facebooktwitterreddit