Futebol Feminino

Brasileirão Feminino será transmitido pela TV Globo a partir de 2023; saiba mais

Nathália Almeida
Brasileirão Feminino muda de casa a partir do ano que vem
Brasileirão Feminino muda de casa a partir do ano que vem / Jorge Bevilacqua/Código19/Gazeta Press
facebooktwitterreddit

O sucesso estrondoso da Copa do Mundo Feminina de 2019, conquistada pelos Estados Unidos, segue ressoando e gerando frutos importantes para a consolidação do futebol feminino ao redor do planeta. No Brasil, os recordes de audiência da competição culminaram em um maior interesse das emissoras em adquirir os direitos de transmissão de torneios da modalidade, ao ponto de dois dos principais veículos de comunicação do país disputarem a exibição do campeonato mais importante do calendário nacional da categoria: o Brasileirão Feminino.

Atualmente transmitido pela Band, o Brasileirão Feminino seguirá nesta emissora para a temporada 2022. A partir do ano que vem, no entanto, a casa do torneio será a Rede Globo. Como destaca o site Dibradoras, a maior emissora do país tem mostrado cada vez mais interesse e vem entrando forte na briga pelas competições do futebol feminino, vencendo a disputa com a rival e garantindo os direitos de exibição do principal campeonato nacional para o próximo biênio (2023/2024).

FBL-LIBERTADORES-SANTAFE-CORINTHIANS
Corinthians é a grande potência da modalidade no país / EITAN ABRAMOVICH/GettyImages

No ano passado e durante 2022, a Rede Globo já havia costurado acordo para exibir um certo número de partidas da competição em seus canais fechados (SporTV). A partir do próximo biênio, no entanto, a emissora poderá levar os jogos para o seu canal aberto, onde o alcance de audiência é muito maior. Além do Brasileirão, a Rede Globo também exibirá amistosos da Seleção Brasileira Feminina e outros torneios nacionais, como a Supercopa do Brasil, que terá sua primeira edição sendo disputada neste ano de 2022.

facebooktwitterreddit